19:39 :: 19/02/2017
Publicidade

Prisão de jornalistas da Record vira notícia na programação da Globo

Henrique Brinco 21:00 :: 13/02/2017
“Fantástico” abordou a prisão de jornalistas da Record neste domingo (12)

A prisão de dois jornalistas da Record TV na Venezuela virou assunto na principal concorrente da emissora: a TV Globo. A notícia que causou indignação em toda imprensa brasileira foi abordada pela primeira vez na casa em uma nota de quase um minuto na edição do “Fantástico” neste domingo (13).

Os apresentadores Tadeu Schmidt e Poliana Abritta leram notas das Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e a Associação Brasileira de Imprensa (ABI). “Leandro Stoliar e Gilson Souza foram detidos ontem [sábado] enquanto apuravam a participação da Odebrecht em desvios no país vizinho”, noticiou Tadeu.

Nesta segunda (13), o mesmo texto do “Fantástico” foi lido na íntegra por Ana Paula Araújo no “Bom Dia Brasil”.

Entenda o caso

Os repórteres foram presos na cidade de Maracaibo, estado de Zulia, Venezuela, pelo Serviço Bolivariano de Inteligência Nacional. Os dois apuravam supostos pagamentos de suborno feitos pela construtora Odebrecht, aqui implicada na Operação Lava-Jato.

Após dez horas de detenção, sem nenhum contato com o Brasil, os jornalistas foram libertados. Com eles, também foram detidos os jornalistas locais Jesús Urbina e Maria José Túa, da ONG Transparência Venezuela. Os quatros faziam imagens da Puente Pigale, sobre o lago de Maracaibo, executada pela Odebrecht. Todos os equipamentos de gravação e outros eletrônicos, como celulares, foram apreendidos.

Leandro Stoliar e Gilson Souza chegaram ao país hoje pela manhã. Em nota oficial, emitida no final da tarde, a Record informou que seus jornalistas estão no Brasil, após “quase 36 horas sob custódia de policiais e militares do Sebin, que confiscaram equipamentos, câmera, computador e celulares de nossos profissionais. A Record repudia de forma veemente este tipo de violência que atenta contra a liberdade de expressão e tenta controlar o acesso à informação. Estratégia de regimes que desprezam a democracia e os direitos humanos“.


O RD1 coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Você também pode nos ajudar a moderar comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão: para isso, basta clicar no ícone indicado para reprovação que existe ao lado de cada comentário – com 3 “negativos” esse comentário é excluído automaticamente.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.