Anitta e Netflix são acusadas na Justiça de fraudarem assinatura de fã idosa

Anitta e Netflix são acusadas na Justiça de fraudarem assinatura de fã idosa (Imagem: Reprodução / Netflix)

A série documental de Anitta na Netflix segue envolvida em uma polêmica já há algum tempo. A produção Made in Honório estreou em 2020, mas no ano passado Maria Ilza de Azevedo Silva, de 74 anos, abriu um processo contra a artista acusando as partes envolvidas de fraudarem sua assinatura na autorização do uso de imagem.

Ela aparece em um dos episódios, onde se declara fã da cantora, mas não teria autorizado sua aparição. De acordo com informações do site Notícias da TV, a defesa da senhora apresentou um laudo feito por uma perita contratada pela família, onde indica suposta fraude na assinatura.

O documento em questão teria sido assinado em 5 de outubro de 2019. A imagem em questão aparece no quinto episódio da produção, mas Maria Ilza alega ter ficado constrangida por surgir como se tivesse invadido a casa de Anitta, no Rio de Janeiro.

Enquanto fazia uma reunião com sua equipe, a famosa recebe a idosa que a entrega um presente. Ela reconhece a fã e a abraça, mas um pouco depois aparece reclamando da falha na segurança. A mãe de Anitta então declara que a liberação aconteceu na portaria quando a senhora disse que entregaria uma roupa.

Equipe de Anitta teria se confundido e causado uma enorme confusão?

No momento em que a situação aconteceu, Anitta estava aguardando peças de roupas que chegariam para um show. Quando a fã chegou por lá, acreditaram que ela seria um costureira ou figurinista. Ela estava se preparando para sua apresentação no Rock in Rio.

O grande problema no meio de tudo isso, é que a cantora não gostou nem um pouco e fez questão de reclamar. “É isso. Isso é o que acontece na minha casa. De repente, eu olho e tem uma fã sentada no sofá. Quem chamou?”, indaga a artista em um dos momentos. 

Depois da repercussão, a família de dona Ilza não gostou nem um pouco da situação e logo resolveram se pronunciar. Depois de um tempo, eles abriram o jogo afirmando que gostariam que as imagens fossem retiradas da produção. Eles afirmam que as imagens não foram autorizadas.

O processo em questão é movido contra Anitta, a Netflix e a Conspiração Filmes, produtora que estava responsável pelas imagens.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.