Band afastou Rafinha Bastos do “CQC” com medo de perder anunciantes

 

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Sem sombra de dúvidas a polêmica “piada” de Rafinha Bastos sobre Wanessa Camargo – o humorista disse que “comeria” a cantora e o bebê que ela espera -, dominará as manchetes de sites e portais por mais alguns dias.

Segundo a coluna “Outro Canal”, da Folha, Ronaldo Fenômeno e Marcus Buaiz, marido de Wanessa e sócio do ex-jogador, ameaçaram tirar anunciantes do programa. A Band, temendo um furo no bolso, resolveu afastar por tempo indeterminado o humorista.

Líder de faturamento na emissora, um comercial de 30 segundos no “CQC” custa R$ 130 mil. Já um merchandising pode custar de R$ 240 mil a R$ 2,4 milhões, sem incluir cachês.

Segundo consta, o afastamento de Rafinha, que mais servirá como uma forma de evitar o “apedrejamento público”, poderá durar de três a quatro semanas.

João Paulo Dell SantoJoão Paulo Dell Santo
João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.
Veja mais ›