Bradley Cooper e Lady Gaga foram alguns dos premiados da cerimônia do Oscar 2019, em fevereiro (Reprodução)

A última cerimônia do Oscar, que foi exibida em fevereiro deste ano, teve um formato diferente do tradicional. Pela primeira vez, a premiação não teve a presença de um ou dois apresentadores, o que gerou certa insegurança em alguns críticos. No final das contas, tudo deu certo e o formato pode ser repetido no ano que vem.

Chefe da ABC, Karey Burke concedeu uma entrevista ao The Wrap e deu a entender que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas pode tomar essa decisão mais uma vez. “Nós estamos extremamente orgulhosos de como o programa foi, criativamente, e pela sua performance este ano, então não acho que você nos verá mexendo com a forma”.

Novamente questionada a respeito da cerimônia do Oscar 2020, ela evitou dar qualquer confirmação sobre o assunto e o deixou em aberto. “Eu não estou dizendo não a nada neste momento. Não estou sendo evasiva, mas isto é algo que a Academia decide só mais tarde este ano”.

Kevin Hart seria o anfitrião em 2019

Uma grande polêmica envolveu o Oscar no final do ano passado. Ainda mantendo o formato tradicional, a Academia convidou o ator e comediante Kevin Hart como anfitrião. O problema é, algumas horas depois do anúncio, internautas investigaram o perfil oficial do ator no Twitter e descobriram publicações consideradas, homofóbicas, gordofóbicas e até de apologia à violência infantil.

A organização do evento disse que Kevin tinha duas opções: se desculpar ou desistir de apresentar o Oscar 2019. “Escolhi descartar a desculpa. A razão pela qual faço isto é porque já falei sobre isto diversas vezes”, afirmou o artista na ocasião.

Recomendados para Você:

Comments

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here