Craque Neto defende homossexuais e chama Sikêra Jr e donos da RedeTV! pra porrada

Neto
Neto se irrita e chama Sikêra Jr e donos da RedeTV! pra porrada (Imagem: Reprodução / Band)

O Craque Neto mais uma vez saiu em defesa dos homossexuais no programa Os Donos da Bola, da Band. Nesta quarta-feira (30), o ex-jogador detonou a postura de Sikêra Jr, que em seu jornalístico da RedeTV! chamou os homossexuais de “raça maldita” e até criticou um comercial sobre o Dia do Orgulho LGBTQIA+.

Muito irritado, o apresentador esportivo disse que o jornalista da concorrente é homofóbico, o ameaçou e ainda parabenizou a campanha do Burger King, que foi criticada por Sikêra.

“Esse jornalista, que é o Sikêra Jr, falar o que ele falou sobre os homossexuais… ô Burger King, vocês estão de parabéns! Vocês arrebentaram! Aí, no dia seguinte, o cara [Sikêra] pede desculpas. Sabe por que ele pediu desculpas? Porque os patrocinadores saíram do programa. Ou você pensa assim ou você não pensa. Ou é homem ou não”, disparou o famoso.

O Craque Neto fez referência ao pedido de desculpas feito pelo titular do Alerta Nacional, nesta terça (29), dias depois de ser alvo de críticas nas redes sociais e até perder patrocinadores. “Não adianta falar só para ganhar dinheiro do governo”, alfinetou ele.

“Não é esse o seu pensamento? Se for, espero que um dia você não me encontre. No dia que você me encontrar, você vai ver. Fala isso para mim quando você estiver comigo em um lugar fechado. Você vai ver! Ou até o dono da RedeTV!. Qualquer um de vocês que pense assim. Fala isso no mano a mano!”, desabafou.

“Você é homofóbico e eu não tenho medo de você! Nem de você, nem de ninguém da RedeTV!. Se quiser ligar para a Band pode ligar, a hora que quiser”, seguiu o ex-jogador. Cabe lembrar que marcas como MRV, Tim, HapVida, Magazine Luiza, Nivea e Ford deixaram a atração da RedeTV! após a polêmica do apresentador.

No mesmo programa, Neto também criticou a ex-jogadora de vôlei Fernanda Venturini, que disse reprovar o imunizante contra o coronavírus, mas que tomou para “viajar o mundo”.

“Aqui, não tem isso. É igual essa Fernanda Venturini, que disse que iria tomar a vacina contra a Covid-19 porque queria viajar. Não, não! Você vai tomar a vacina porque quer viver com seus filhos, com sua família. Aí, no outro dia, ela pediu desculpas. Eu não peço desculpas depois de cometer erros”, comentou ele.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›