13:52 :: 19/08/2017

Em crise, TV Gazeta sofre assédio de igrejas e concessionários

Gazeta 2014
TV Gazeta vive uma de suas maiores crises

A situação da TV Gazeta é mais do que crítica. O corte que será anunciado pela emissora no final da tarde desta segunda-feira (17) deve atingir cerca de 100 funcionários e colaboradores.

Nem mesmo grifes como Ronnie Von serão poupadas. O eterno príncipe da Jovem Guarda terá que aceitar uma drástica redução salarial para continuar na emissora, caso contrário acompanhará outros colegas, como Fred Melo Paiva, Fabrício Carpinejar, Paula Vilhena, Pamela Domingues e Rodrigo Rodrigues.

Em crise, a Gazeta vem sofrendo um forte assédio de igrejas e concessionários (duas farmácias e uma rede de joalherias). Até a semana passada, a emissora resistiu bravamente as investidas. Os indicativos dados no dia de hoje, porém, demonstram o contrário.

Uma das opções envolve um modelo de concessão utilizado por CNT e Mix TV no passado – algo comprovadamente fracassado. A Gazeta arrendaria 12 horas de sua programação diária (0h/12h) e responderia pelo restante (12h/0h).

“Mulheres”, com uma produção mais enxuta, “Jornal da Gazeta” e “Gazeta Esportiva” são as únicas certezas. Ainda assim, a cobertura esportiva tende a ser diminuída drasticamente.

Vamos aguardar.




WordPress Lightbox