Emílio Santiago morreu em 2013, aos 66 anos, vítima de um AVC

A família de Emílio Santiago ainda briga na Justiça pela herança de R$ 10 milhões deixada por ele. O caso será abordado no programa “Domingo Show”, da Record, no próximo dia 23 de abril.

Além da irmã do cantor, querem parte do dinheiro Aleksander Nunes, que precisa provar ainda que é filho dele, e um ex-namorado do artista responsável por sucessos como “Saigon” e “Verdade Chinesa”.

O programa comandado por Geraldo Luís entrevistou Nunes para saber como anda o caso. Logo após a morte de Santiago, o rapaz chegou a fazer exame de DNA, mas o resultado deu inconclusivo.

O ex-companheiro de Emílio chegou a mover um processo tentando reconhecer a união do artista. Emílio era dono de imóveis no Brasil e no exterior e ainda possuía carros e joias.

Emílio Santiago morreu após sofrer um Acidente Vascular Cerebral, aos 66 anos. Ele apresentou complicações em decorrência da falta de circulação sanguínea no cérebro.


Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!