Globo já pensa nas Copas de 2018 e 2022

A declaração de Honorilton Gonçalves durante a coletiva de imprensa do Pan de Guadalajara, no ínicio do mês, em São Paulo, sobre uma possível “bomba” que está prestes a explodir, fez a Globo se cercar de todos os cuidados.

A emissora da família Marinho, que detém os direitos de transmissão da Copa do Mundo de 2014, a ser realizada aqui no Brasil, já está pensando nos próximos dois mundiais. O da Rússia, em 2018, e o do Catar, em 2022.

As conversas com a Fifa já tiveram início. Mas as negociações oficiais só devem começar no segundo semestre do ano que vem. Os direitos das Copas do Mundo da Rússia e do Catar serão negociados juntos, num só pacote.

Sobre a tal “bomba”, muitos pensaram que se tratava exatamente dos próximos mundiais de futebol, mas não é. Falam, agora, no UFC.

CONTINUE LENDO →

João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com