Globo toma atitude após fake news envolvendo Aline Midlej ser espalhada

Aline Midlej
Aline Midlej é alvo de fake news e Globo se posiciona (Imagem: Reprodução / Instagram)

A Globo se pronunciou contra uma fake news envolvendo Aline Midlej. A âncora da GloboNews virou alvo de polêmica, depois que um print que circulou nas redes sociais apontou que ela teria comentado sobre as mortes pela Covid-19.

A mensagem dizia: “A pessoa morreu [de Covid-19] com as três doses, mas se ela não tivesse tomado nenhuma seria pior”. A jornalista, entretanto, nunca disse isso e a emissora carioca saiu em sua defesa.

No SP1, deste sábado (12), o quadro Fato ou Fake repercutiu a situação. O jornalístico desmentiu o texto e uma reportagem do G1 ainda explicou o caso, negando que a frase tenha sido falada por Aline Midlej.

Veja Também

“Aline Midlej não mencionou a frase atribuída a ela. A TV Globo nega que tal declaração tenha sido proferida. A declaração não é encontrada em nenhum vídeo da GloboNews e da TV Globo”, disse a empresa.

A Globo completou: “Uma busca pela íntegra apontada na mensagem falsa em motores de busca não revela resultado que aponte tal conteúdo. Também não é possível encontrar a alegação nas redes sociais verificadas de Midlej”.

Aline Midlej chora em telejornal

No mês passado, a jornalista deu o que falar após chorar em entrevista com um pai que perdeu a sua filha de 7 anos para a Covid-19. Em blog do G1, a âncora da GloboNews desabafou sobre o momento.

“Num Brasil cansado de estar perplexo, à deriva, existe um pai que nos resgata. Um pai que perdeu a filha de sete anos para a Covid-19 e, generosamente, celebra a chegada da vacina para as crianças que, agora, terão essa oportunidade”, iniciou a jornalista.

Ela ainda disse que “o doutor Rodolfo Aparecido da Silva [que foi seu entrevistado] faz do luto um ato público de amor pelo coletivo, uma demonstração incontestável de altivez e afeto, que tanto nos faltou nesses últimos dois anos”.

“Choramos juntos. Eu, ele, uma maioria no país, que sente. Somos maioria. Choramos pelas mortes, pelo desamparo mas, também, por sermos lembrados que não podemos sucumbir, que há resistência em forma de gente de verdade”, comentou ela, lembrando a fala do convidado do Jornal das Dez.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email luizfabio@rd1.com.br
Veja mais ›