chorao
Músico morreu há dois anos

Ricardo Abrão, irmão do cantor Chorão, acusa o filho do ex-vocalista da banda Charlie Brown Jr. de ter abandonado a família e não honrar a memória do pai com o filme “Dias de Luta, Dias de Glória”, no qual exalta a primeira esposa do músico, Thais.

Em desabafo publicado na internet através de alguns vídeos, Ricardo explica que ela foi acusada de trair o cantor, segundo o boletim de ocorrência registrado no 7° DP em Santos, e o caso veio à tona após o músico espancar seu amante. “Ela estava transando no carro”, diz Ricardo.

“O chorão não morreu junto com o rock, e no que depender de mim, isso nunca irá acontecer, vamos honrar a memória dele”, fala o vocalista da banda Joey, Carlinhos, que está ao lado de Ricardo nas gravações. Eles sugerem que o público boicote o material: “Não comprem uma mentira”.

Ricardo explica que a família do símbolo do rock passa por uma situação difícil.

“A família do Chorão é a mãe, os irmãos, e não a família da mulher que traiu ele. É uma corja. Dona Nilda que tem 78 anos, sofreu três AVCs, anda em uma cadeira de rodas e convive com medo de ser expulsa do apartamento dado por Chorão em vida. Ele deixou um patrimônio de 40 milhões de reais, e a mãe dele vive nessa situação”, completa.


VEJA TAMBÉM:

Filho de Chorão desabafa: “Os fãs perderam o Chorão, eu perdi meu pai”

Chorão será homenageado em programa da MTV; saiba mais

Acompanhe muito mais na sua Rede Social preferida:

Instagram: @RD1Oficial

Twitter:   @RD1Oficial

Facebook: @RD1Oficial  


Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!