Jô Soares revela que desculpou taxista responsável pela morte de sua mãe

Jô Soares revela história inédita sobre sua vida
Jô Soares revela história inédita sobre sua vida

Jô Soares decidiu contar detalhes sobre a história da morte da sua mãe. Quando o apresentador tinha 30 anos, ela foi atropelada por um taxista, que prestou todos os socorros.

Minha mãe morreu atropelada em um dia de chuva terrível. O motorista de táxi não teve a menor culpa. Ele pegou e socorreu minha mãe e a levou para o hospital”, revelou o comunicador em entrevista ao programa “Pingue-Pongue com Bonfá”, do Youtube.

Durante a conversa, Jô afirmou que, dez anos depois, por coincidência, pegou o mesmo táxi. “Quando cheguei em casa ele falou: ‘Olha, preciso dizer uma coisa para o senhor. Fui eu quem atropelei sua mãe. E desde esse dia, tem dez anos, eu não consigo mais dormir. Só vou conseguir dormir no dia que eu ouvir o senhor dizer que me perdoa’. Respondi para ele: ‘Mas, meu filho, você está perdoado desde o dia que pegou a minha mãe, socorreu e ficou ao lado do meu pai até a minha mãe morrer. Você não teve culpa nenhuma. Eu te perdoo, você está mais que perdoado. Vai em paz.’ Ele chorava e eu chorei muito também.”, disse o humorista.

CONTINUE LENDO →

Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna “Do Fundo do Baú”, publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email luizfabio@rd1audiencia.com