José de Abreu terá que devolver R$ 127 mil captados via Lei Rouanet

José de Abreu terá que devolver quantia aos cofres públicos

O ator José de Abreu terá que devolver aos cofres públicos R$ 127 mil porque o Ministério da Cultura (MinC) reprovou a prestação de contas de um projeto do artista, cujo recurso havia sido captado via Lei Rouanet.

Em novembro do ano passado, o Ministério da Cultura já havia reprovado a prestação de contas, mas voltou atrás e aprovou depois de um recurso.

Apesar disso, o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) solicitou explicações ao MinC. Segundo o parlamentar, havia na prestação “notas frias” e erros em nove pontos. Além disso, o deputado afirmou que notas fiscais de estabelecimentos diferentes tinham sido assinadas com a mesma caligrafia.

As informações são da coluna de Monica Bergamo, do jornal “Folha de São Paulo”. Abreu, que não foi encontrado pela reportagem para comentar o assunto, deve recorrer.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

ALERTAS GRATUITOS