Letícia Sabatella fala sobre agressão em manifestação: “Me seguiram”

Letícia Sabatella disse que foi segurada pelo braço durante manifestação

Em entrevista ao jornal “Extra”, Letícia Sabatella falou sobre as agressões verbais e físicas que sofreu no último domingo (31), durante as manifestações a favor da Operação Lava Jato que aconteceram em Curitiba, no Paraná.

A atriz disse que os policiais a levaram até a porta de sua casa e pediram para que ela subisse. “Eu disse não. Não vou me acovardar. Os manifestantes é que tinham que ir embora. Eu estava na porta da minha casa. Eles que me seguiram até lá”, contou.

Letícia afirmou que uma mulher que fazia parte do movimento tentou arrastá-la até um carro. “Me segurou pelo braço, ela queria me defender, mas de um modo autoritário. Eu resisti, não queria sair escorraçada. Não estava fazendo nada de errado”, explicou.

A polícia chegou a fazer um cordão em volta de Sabatella para protegê-la. Dois suspeitos já foram identificados e devem prestar depoimento nos próximos dias. Nasser Ahmad, advogado da artista, disse que a cliente ficou muito assustada com a situação.

“Começaram a gritar ofensas como corrupta, ladra, p*ta… e gritos de ordem como ‘Acabou a Lei Rouanet’ e ‘Vai para Cuba’. A confusão durou cerca de 1h e ela teve que ser escoltada pela PM até em casa”, falou Nasser.

“Senti necessidade de enfrentar aquelas pessoas com a calma que eu estava sentindo. É como se eles tivessem me transformado em um objeto codificado”, afirmou Letícia em um vídeo postado no Facebook.

Assista:

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

ALERTAS GRATUITOS