Ministério da Justiça ordena e SBT corta cenas de “Meu Pecado”

"Meu Pecado" precisou ser editada pelo SBT
“Meu Pecado” precisou ser editada pelo SBT

Órgão responsável pela Classificação Indicativa imposta a todos os programas de TV, o Ministério da Justiça é conhecido pelo rigor com que classifica as atrações.

Segundo a colunista Keila Jimenez, o último alvo da entidade foi a novela mexicana “Meu Pecado”, exibida pelo SBT nas tardes de segunda a sexta. O Ministério advertiu a emissora de Silvio Santos de que cenas do folhetim estavam incompatíveis com o selo de “não recomendável para menores de 10 anos” e que a trama poderia ser reclassificada e, consequentemente, obrigada a mudar de horário.

Como resultado, o SBT promoveu diversos cortes e satisfez o órgão, que manteve a classificação e elogiou o fato de “Meu Pecado” ter eliminado cenas de “consumo de drogas lícitas e de conteúdo violento”, fatores que não podem ir ao ar no horário em que a novela é veiculada.

Arthur Vivaqua
Arthur Vivaqua é um apaixonado pela TV, e por Cultura em geral. Ele acredita que pequenas coisas podem gerar grandes reflexões. Arthur já foi editor-chefe e repórter especial do RD1, para onde volta como colunista. Fale com ele através do @ArthurVivaqua no Twitter ou no [email protected]
Veja mais ›