18:31 :: 24/05/2017
Publicidade

Operação do Procon em São Paulo encontra produtos vencidos no salão de Jassa, cabeleireiro de Silvio Santos

Da Redação 08:30 :: 28/03/2017

Silvio Santos e Jassa; salão do cabeleireiro foi autuado por venda e utilização de produtos vencidos

Responsável pelas madeixas de alguns dos principais nomes da televisão brasileira – e conhecido por ser um dos “diretores” informais de SBT –, o cabeleireiro Jassa viu seu salão ser autuado na tarde desta segunda-feira (27), durante uma operação do Procon. O órgão fiscalizou 34 estabelecimentos em bairros nobres de São Paulo; ambientes badalados, como de Celso Kamura, também apresentaram irregularidades.

Segundo o portal “UOL”, o Jassa Cabeleireiros e Cosméticos vendia e utilizava produtos com prazo de validade vencidos; também não informava o preço dos mesmos, infringindo o Código de Defesa do Consumidor. De acordo com o Procon, a vistoria se deu durante quase todo o mês de março (de 8 a 24) e os salões foram escolhidos de forma aleatória.

Pelo salão de Jassa passam profissionais como Celso Portiolli, César Filho, Gugu Liberato, Ronnie Von e o presidente Michel Temer. Foi lá que Geraldo Luís tentou articular um encontro com Silvio Santos, cliente mais ilustre do local, por ocasião de seu estremecimento com a Record; foi lá também que uma possível entrevista de Xuxa Meneghel com o “patrão” foi sorrateiramente planejada, com a anuência de Jassa.

No estabelecimento de Celso Kamura, responsável pela repaginada visual da ex-presidente Dilma Rousseff, foram encontrados esmaltes com prazo de validade vencido e sem identificação do fornecedor. Outro salão vistoriado (e multado) foi o de Jacques Janine, com inúmeras filiais espalhadas pelo país, também pela venda ou utilização de produtos vencidos.


WordPress Lightbox