Paulo Henrique Amorim volta a causar e joga praga na Globo; veja

Jornalista voltou a criticar a Globo e defendeu "cruzamento de braços" dos times paranaense contra a emissora
Paulo Henrique Amorim voltou a criticar a Globo e defender “cruzamento de braços” dos times paranaenses contra a emissora

Lembra do caso dos times paranaenses que não aceitaram o acordo da Globo e decidiram transmitir o clássico estadual do último fim de semana por conta própria? Pois bem, a polêmica virou assunto no canal de Paulo Henrique Amorim no YouTube.

“O que houve ali foi uma etapa histórica de um desmoronamento de um império. A Globo propôs uma merreca, eles [os times] decidiram transmitir pelo YouTube. A Globo não deixou o jogo ser realizado”, disse o apresentador do “Domingo Espetacular”, da Record.

Durante o vídeo, PHA ainda fala sobre a perda de publicidades da Globo para o Google. “O segundo maior destino de publicidade do país depois da Globo não é a Rede Record, nem o Silvio Santos, é o Google. Em breve, o Google terá mais publicidade que a Globo”, opinou o jornalista.

Amorim completou dando exemplos de uma possível queda da emissora carioca, como a “’Fórmula 1’, que a Globo empurrou goela baixo nos brasileiros, não tem mais espectadores” e o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro, que, para PHA, “acabou como samba e evento publicitário”. “O desfile foi comido pelo povo, pelos blocos de rua. […] E as empresas de cervejas deixaram de patrocinar as escolas de samba da Globo para patrocinar os blocos de rua”, relatou.

Confira o vídeo na íntegra:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›