Rafinha Bastos mostra crise das universidades a Bolsonaro, que reage

COMPARTILHE
Rafinha Bastos e Jair Bolsonaro bateram boca na web (Imagem: Reprodução / Instagram)

Rafinha Bastos e Jair Bolsonaro provocaram um momento polêmico na internet. Tudo começou por causa da manifestação do presidente sobre o vestibular para candidatos transexuais. O comediante aproveitou o momento e falou sobre a crise que vivem as instituições.

Bolsonaro anunciou a suspensão imediata do vestibular para transexuais, travestis, intersexuais e pessoas não binárias. “Com intervenção do MEC, a reitoria se posicionou pela suspensão imediata do edital e sua anulação a posteriori”, declarou no Twitter.

Rafinha Bastos reagiu: “A Universidade Federal do Mato Grosso ficou sem luz após atrasar o pagamento de contas de 2018 e 2019. Se quiser acionar o MEC pra fazer intervenção onde realmente precisa (e não pra fazer propaganda ideológica), dá um toque aí, campeão”.

Bolsonaro viu a crítica e resgatou um post do ministro da Educação Abraham Weintraub. “É um absurdo as contas de energia da UFMT não terem sido pagas. Tomei conhecimento da necessidade de repasse emergencial na quinta, dia 11, e chamei a reitora para uma conversa. Na sexta, liberei R$ 4,5 milhões para o pagamento imediato da dívida, que vem desde o governo anterior”, afirmou na terça-feira (16). “Forte Abraço”, provocou Bolsonaro.

Rafinha continuou e enumerou problemas de outras universidades. “Show! Só falta a Universidade Federal de Sergipe que tava suspendendo as atividades por falta de repasse; a de Brasília que tem déficit de 100 mi e a de Santa Maria que demitiu trabalhadores e suspendeu obras. Vai fazendo aí que quando estiver resolvido eu mando mais. Forte abraço!”, declarou.

Confira:

Leave a Comment

Últimas Notícias

  • Fina Estampa
  • Resumos das Novelas

Resumo da novela Fina Estampa – Quinta-feira, 04/06/2020

NOVELA DAS NOVE ➤SAIBA MAIS

7 horas atrás
  • D
  • Televisão

Web celebra volta de Renata Vasconcellos ao Jornal Nacional

O RETORNO DA RAINHA ➤SAIBA MAIS

8 horas atrás