Ratinho negocia contrato fixo com o SBT

Silvio Santos e Ratinho

Com a renovação do contrato de Celso Portiolli – o apresentador é exclusivo do canal pelos próximos 3 anos -, o SBT pode voltar ao modelo antigo de contrato. Na verdade, ao formato comum, aquele que é usado por todas as emissoras, com salário fixo e prazo de validade.

O canal de Silvio Santos abandonou a prática após a crise no Grupo SS, que culminou na venda do Banco Pan-Americano, Braspag, Baú da Felicidade e Jequiti Cosméticos.

Carlos Massa, o Ratinho, que é sócio da emissora – ele não recebe salário e sim divide os lucros e despesas de sua atração com o SBT, além de ter contrato por tempo indeterminado, que pode ser encerrado a qualquer momento, sem multa contratual -, está negociando diretamente com Silvio Santos um contrato fixo. As conversas se intensificaram nos últimos dias.

Os vínculos por longa duração viraram privilégio de poucos na Anhanguera. Além de Portiolli, apenas Eliana, Carlos Alberto de Nóbrega, Roberto Cabrini, Carlos Nascimento, Maísa Silva, André Vasco, Hermano Henning e Tiago Santiago têm contrato com salário fixo e prazo de validade. Os demais ou são sócios, como Raul Gil, Marília Gabriela e Ratinho, ou mantêm vínculos por tempo indeterminado, como Christina Rocha, César Filho, Karyn Bravo, Beto Marden, Cris Poli, Arlindo Grund, Isabella Fiorentino, entre outros.

CONTINUE LENDO →

João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.