Reinaldo Gottino fecha novo acordo com a Record para gerenciamento de carreira

Reinaldo Gottino
Reinaldo Gottino fecha nova parceria com a Record (Imagem: Reprodução / Record)

Diferente do quem vendo feio pela Globo, através da mudança no formato dos contratos com seus profissionais, a Record segue afinando ainda mais a parceria com seus principais nomes. Reinaldo Gottino, por exemplo, assinou nesta semana um segundo contrato com a emissora.

Um ano após deixar a CNN Brasil e voltar à casa que lhe deu destaque nacional, o jornalista fechou um acordo com a Record Entretenimento (RE), que é um novo projeto do canal que investirá em cuidar da carreira do apresentador do Balanço Geral SP. A ideia é que a empresa foque nas áreas de eventos, publicidades, projetos e licenciamentos.

O jornalista é o primeiro a entrar para o time comandado por Paulo Calil. O objetivo também será reforçar, através das redes sociais do canal, a imagem que o apresentador construiu ao longo dos anos.

O novo formato de contrato é semelhante ao que as gravadoras têm feito com os artistas da música, não se limitando apenas a gravar canções e publicá-las, mas também focando em parcerias comerciais.

“Estou muito feliz com essa novidade, a Record Entretenimento cuidando da minha carreira, poderei me dedicar ainda mais para o programa que está indo muito bem, e feliz pelo retorno ter dado tão certo“, afirmou Gottino.

Recentemente, Reinaldo falou sobre sua breve passagem na CNN Brasil e revelou um dos motivos de sua saída:

A dinâmica da CNN era mais fechada, e eu senti um pouco a falta desta liberdade. No dia a dia, percebi que estava preso naquele formato e queria ampliar a minha movimentação. Passei a sentir falta do que eu fazia, do meu palco. Quando a Record me ligou, optei por voltar. E eles me receberam de braços abertos“, contou em entrevista ao Notícias da TV.

No canal de notícias ele apresentou dois programas, o CNN Novo Dia e o CNN 360º, que comandava ao lado da jornalista Daniela Lima. Apesar de curta, Gottino ressaltou que a experiência foi marcante para sua carreira.

A Daniela é uma pessoa que eu considero como uma irmã. O programa que fizemos juntos chegou a liderar em algumas ocasiões, como, por exemplo, quando o Sergio Moro deixou o Ministério da Justiça. Então, eu posso dizer que já liderei tanto na TV aberta, quanto na fechada. É um feito que vou carregar comigo“, pontuou.

Elson BarbosaElson Barbosa
Jornalista, encantado pelo entretenimento e pela possibilidade de contar e conhecer várias histórias ao mesmo tempo. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @ellsonbarbosa
Veja mais ›