Sucesso em A Força do Querer, Hylka Maria foca em carreira internacional e atua em série espanhola

Hylka Maria
Hylka Maria faz projetos internacionais após sucesso em novelas brasileiras (Imagem: Divulgação)

Hylka Maria fez sucesso em A Força do Querer (2017) vivendo a personagem Alessia, mulher do traficante Sabiá (Jonathan Azevedo), e agora está investindo na sua carreira internacional. Recentemente ela gravou em Buenos Aires, na Argentina, uma participação na série Bia, que é exibida na Disney+.

A atriz interpreta a vilã Alana na segunda temporada da produção, no ar atualmente em toda América Latina e na Europa. Atualmente, ela também encara a personagem Agar, em Gênesis, na Record.

Ao longo da vida, Hylka também trabalhou como modelo de publicidade em terras mexicanas, fez uma participação marcante na série O Caçador, da Globo, onde interpreta a stripper Vanessa, ao lado de Cauã Reymond. Em 2017, participou da quarta temporada da série Os Suburbanos, do Multishow e, em 2019, integrou o elenco da série Jezabel, da emissora de Edir Macedo, que foi gravada em Paulínia-SP e no Marrocos.

Em entrevista ao site RG, a artista relembrou como surgiu sua paixão pelo meio artístico:

“As agências das quais eu fazia parte do casting, além de me chamarem para os testes de comerciais de TV, começaram também a me enviar para testes de novelas da Globo. E foi aí, aos 10 anos, que comecei a me aventurar em decorar textos, cenas. Minha mãe percebeu o meu prazer em tudo aquilo e acabou investindo em cursos de teatro e atuação para TV. Cheguei a fazer algumas peças de teatro amadoras, e no ano seguinte, aos 11 anos, foi que estreei profissionalmente como atriz na novela O Campeão, da Band”.

Ao falar sobre a experiência internacional, Hylka destacou qual foi seu maior desafio: “Foi uma experiência deliciosa, pois o projeto contava com um elenco multicultural, plural. Havia atores da Colômbia, Venezuela, México, Espanha, Argentina e Brasil. O maior desafio para mim foi interpretar em castelhano, que é diferente do espanhol mexicano o qual eu sempre falei, por ter vivido por dois nos no México”.

Alana é um vilã inescrupulosa, e mesmo eu sendo brasileira, era viúva de um argentino e tinha todo um passado na Argentina. Foi muito rica a experiência de ver como os técnicos do audiovisual na Argentina são comprometidos e saber que este mercado que não me conhecia me abraçou de forma tão respeitosa”, complementou, ao dar detalhes sobre a série.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›