TV Cultura reprisará participação de Ayrton Senna no “Roda Viva”

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Após votação na internet, em que concorreram as entrevistas do “Roda Viva” que mais repercutiram nos últimos 25 anos, o público escolheu sua preferida, com um ídolo nacional, o piloto de Fórmula 1 Ayrton Senna. O programa será exibido na íntegra, nesta segunda-feira (3/10), a partir das 22h, na TV Cultura.

Apresentada na época por Rodolpho Gamberini, a histórica entrevista foi realizada em 15 de dezembro de 1986, pouco depois de Senna ter feito, pela primeira vez, o gesto que viraria sua marca registrada, carregando pela volta de comemoração a bandeira do Brasil. Neste ano, Ayrton Senna chegou em segundo lugar no Grande Prêmio Brasil, vencido por Piquet. Era apenas o início de sua brilhante carreira.

Para entrevistá-lo, estiveram na bancada os jornalistas Reginaldo Leme (TV Globo), Marcelo Rezende (Placar), Jorge Sead (TV gaúcha RBS), Alain Vignais (TV Globo), Galvão Bueno (TV Globo), Castilho de Andrade (Jornal da Tarde), Claudio Carsughi (Quatro Rodas), Fernando Calmon (TV e revista Manchete) e Élcio de São Thiago (diretor do Automóvel Clube do Estado de São Paulo).

Durante sua participação no “Roda Viva”, Ayrton Senna fala sobre o início de sua carreira no Kart, a fama de bater o carro no trânsito, a preparação para se tornar um campeão mundial, o assédio e a figura do ídolo, sua relação com outros pilotos,  a preparação para as corridas, a importância da família em sua vida, entre outros assuntos.

História

O Roda Viva estreou em 29 de setembro de 1986, tendo como apresentador o jornalista Rodolpho Gamberini e, como entrevistado, o então ministro da Justiça, Paulo Brossard.

Ao longo dos últimos 25 anos, a atração acompanhou de perto os principais fatos políticos, sociais, econômicos, esportivos, culturais do Brasil e do mundo, aprofundando a discussão de temas essenciais com figuras de peso. Até o momento, estiveram no centro de sua arena 1.270 personalidades, entre elas Luiz Inácio Lula da Silva, Fernando Henrique Cardoso, Ulysses Guimarães,  Hugo Chávez, Ayrton Senna, Luiz Felipe Scolari, Telê Santana, Pedro Almodóvar, Paulo Autran, Tônia Carrero, Lima Duarte, Raul Cortez, Marco Nanini, Ruth Escobar, Silvio de Abreu, Sônia Braga, Hebe Camargo, Jô Soares, Chico Anysio, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Tom Zé, Ocimar Versolato e Oscar Niemeyer.

Além disso, em duas décadas e meia o programa levou para debate assuntos relevantes em edições temáticas, como crise econômica, violência e deficiência física.

Foram apresentadores: Rodolpho Gamberini (1986-1987); Augusto Nunes (1987-1989); Jorge Escosteguy (1989-1994); Rodolfo Konder (1990); Roseli Tardelli (1994); Heródoto Barbeiro (1994-1995); Matinas Suzuki (1995-1998); Paulo Markun (1998-2008); Carlos Eduardo Lins da Silva (2008); Lillian Witte Fibe (2008-2009); Heródoto Barbeiro (2009-2010); e Marília Gabriela (2010-2011).

Em outubro, a bancada do Roda Viva passa a ser ocupada pelo jornalista Mario Sergio Conti.

João Paulo Dell SantoJoão Paulo Dell Santo
João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.
Veja mais ›