Alexandre Frota mostra à PF dados comprometedores contra Eduardo Bolsonaro

Alexandre Frota
Alexandre Frota toma atitude envolvendo Eduardo Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Montagem – RD1)

Alexandre Frota (PSDB-SP) levou para a Polícia Federal dados da CPMI das Fake News que seriam comprometedores contra Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). De acordo com a Folha, os documentos ligariam o filho de Jair Bolsonaro (sem partido) pessoalmente ao esquema de ataques virtuais contra opositores.

O deputado federal prestou depoimento à PF no último dia 29 de setembro. Para o testemunho, o ex-ator pornô levou vários números de IPs de computadores de Brasília e do Rio de Janeiro, que teriam sido identificados como participantes de ações de propagação de fake news na internet.

De acordo com o político, os números de IPs estão ligados diretamente a um e-mail oficial de Eduardo Bolsonaro. O filho do presidente não respondeu aos questionamentos do jornal.

A Folha ainda informou que alguns dos IPs levados até a Polícia Federal foram identificados em computadores localizados em um imóvel no Rio de Janeiro, na avenida Pasteur, no apartamento declarado por Eduardo à Justiça Eleitoral.

Além desse, outro IP, agora em Brasília, foi ligado à uma casa no Jardim Botânico, local onde o deputado federal reside. A Polícia Federal recebeu o depoimento de Alexandre Frota no inquérito que apura atos antidemocráticos.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com