Band
Apresentador infartou ao vivo em afiliada da Band (Imagem: Reprodução / Band)

Joaquim Campos, apresentador do “Metendo a Bronca”, da TV RBA, afiliada da Band em Belém, no Pará, teve um infarto ao vivo enquanto discursava a favor do presidente da República, Jair Bolsonaro, na edição desta sexta-feira (23) do programa policial.

O famoso falava sobre a pressão que Bolsonaro tem recebido sobre as queimadas fora de controle na Amazônia. Em nota, a TV RBA informou que o quadro de saúde de Joaquim Campos é estável.

O apresentador foi levado para o hospital, onde foi submetido a um cateterismo e deve passar por um novo procedimento cirúrgico neste sábado (24). As informações são do jornal O Tempo.

Joaquim Campos foi um dos poucos nomes da TV em todo o país que saiu em defesa do presidente publicamente. Em pronunciamento exibido na TV e no rádio, Bolsonaro ganhou um panelaço da população das principais capitais do Brasil.

Vários famosos reagiram nas redes sociais pedindo uma posição adequada do governo federal em função das queimadas na Amazônia: Fábio Assunção, no Instagram, saiu em defesa dos povos indígenas da região. Ivete Sangalo, na mesma rede social, pediu equilíbrio e criticou o desmatamento. Bruno Gagliasso, no Twitter, alfinetou o presidente sobre o protesto durante o seu pronunciamento.

Globo e Band são acusadas de exibir imagens da Record sem autorização

A Globo está sendo acusada pela Record de usar imagens exclusivas da ação policial no caso do sequestrador na ponte Rio-Niterói sem autorização.

A emissora carioca deu os créditos à captação do câmera Fábio Calistra, que foi o único a gravar o sequestrador sendo morto pela polícia, porém, de forma não autorizada.

O profissional da emissora paulista foi o único que registrou a ação da polícia e os reféns sendo liberados do ônibus sem ferimentos.

A GloboNews e a Band exibiram os vídeos com efeito zoom para esconder a marca da Record nas imagens.

Na Globo, o crédito foi dado, porém, de acordo com o colunista Ricardo Feltrin, o canal carioca não havia recebido autorização para isso.

Diante do que aconteceu, a Record declarou à publicação que tomará medidas judiciais, já que não negaria o empréstimo das imagens por vias civilizadas, caso fossem solicitadas. A Globo, a GloboNews e a Band não se pronunciaram oficialmente sobre o assunto.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos