Apresentadora da Globo compara tragédia em Hiroshima com Covid-19 e chora

Globo
Apresentadora do Bom Dia SP, Luiza Vaz se emociona ao vivo (Imagem: Reprodução / Globo)

Nova parceira de Rodrigo Bocardi na Globo, Luiza Vaz se emocionou na edição desta quarta-feira (31) do Bom Dia SP ao contar a história de um sobrevivente do Holocausto (1941-1945) e comparar o terror vivido na Segunda Guerra com a pandemia da Covid-19, que já matou mais de 320 mil brasileiros.

Luiza recordou que em 2020 entrevistou um sobrevivente do massacre vivido por judeus na Alemanha nazista de Adolf Hitler (1889-1945), e Kunihiko Bonkohara, que presenciou o ataque nuclear de 1945 em Hiroshima, no Japão. A reportagem foi exibida pelo telejornal matinal da Globo.

“Ano passado eu tive o privilégio de conversa com o seu Bonkohara, que é sobrevivente da bomba de Hiroshima, e ele junto com [outros] dois sobreviventes têm um espetáculo de teatro que eles viajam o país contando a experiência deles”, contou.

“Ele, na época, tinha cinco anos, a senhora tinha dois e o outro senhor que participa do espetáculo era soldado. Então, os depoimentos deles são realmente muito impactantes e eles falam que querem falar sobre para levar a mensagem para que esse horror não se repita”, destacou.

Em seguida, a apresentadora da Globo se emocionou: “Infelizmente a gente está vendo que o horror pode ter outras faces além das bombas”. Vaz se referiu ao coronavírus, que infectou mais de 12,7 milhões de brasileiros e matou mais de 320 mil desde o início da pandemia, em março do ano passado.

O dia do BDSP também foi marcado por mais um ataque contra a imprensa. A repórter Fernanda Elnour estava em Jundiaí, interior de São Paulo, quando um homem invadiu o link e gritou “Globolixo”.

A atitude causou revoltado em Rodrigo Bocardi. “Daqui a pouco a gente volta com a Fernanda Elnour, quando deixarem ela trabalhar e levar a informação para você, de que posto de vacinação está virando posto de arrecadação de alimentos”, justificou.

“Se isso não é uma boa informação para a sociedade, no momento desta pandemia, o que será? Conta para a gente?”, questionou o âncora da emissora.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›