Apresentadores aliados de Bolsonaro despencam na audiência da TV

Bolsonaro
Fiéis a Bolsonaro, Ratinho e Sikêra Jr perdem público (Imagem: Reprodução – SBT – RedeTV! / Montagem – RD1)

Em ano de eleição, os apresentadores mais próximos ao presidente Jair Bolsonaro (PL) não recuperaram a audiência perdida ao longo dos meses de pandemia do coronavírus. Fiéis ao governo, nomes como Ratinho, do SBT, e Sikêra Jr., da RedeTV!, despencaram na média da TV.

Ratinho se tornou o mais novo dono do terceiro lugar na média da TV aberta após às 22h30, com derrotas consecutivas para a Record. A situação se tornou grave em 2019 e de lá para cá não melhorou.

Segundo o UOL, em 20 anos o apresentador perdeu um em cada três telespectadores, e longe de várias atrações do SBT, perdeu relevância perante o público nas redes sociais.

Veja Também

A atração virou alvo de investimentos, como a volta do Gol Show, mas ainda assim não causou um efeito positivo a ponto de recuperar a vice-liderança de ponta a ponta.

Em agosto do ano passado, Ratinho foi até Brasília e fez uma entrevista chapa-branca com Bolsonaro. O espaço ficou aberto para declarações sobre voto impresso e fraude nas urnas eletrônicas, mas sem qualquer prova.

Além de Ratinho, Sikêra Jr passa sufoco na audiência

Sikêra Jr, por sua vez, nunca escondeu sua predileção a Bolsonaro e seus aliados. Sob o comando do Alerta Nacional, ele estreou na RedeTV! e até causou no início, mas caiu absurdamente no ranking da TV aberta.

Sem a mesma repercussão de 2019, o policialesco perdeu força e virou presa fácil para TV Cultura e TV Gazeta, em São Paulo. A má fase veio à tona em meio aos seus posicionamentos homofóbicos e comentários polêmicos para as câmeras.

Quem caiu em desgraça e perdeu espaço na TV foi Luis Lacombe. No comando do Opinião No Ar, na RedeTV!, o apresentador não ultrapassou o 1 ponto de média em boa parte das suas edições e não voltou ao ar com edições inéditas.

Preocupada com a situação, a emissora descartou uma nova temporada da atração, mas liberou reprises dos melhores momentos do programa até a estreia da nova grade.

Pró-Bolsonaro e anti-Globo, Marcelo de Carvalho saiu da zona de conforto dos 3 pontos de média com o Mega Senha e caiu em declínio.

Suas colocações amigáveis com o bolsonarismo perpetuaram nas redes e prejudicaram sua carreira de apresentador de TV.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›