Miranda morreu após sofrer um mal súbito em casa (Imagem: Divulgação / SBT)

A morte de Carlos Eduardo Miranda, de 56 anos, chamou a atenção das redes sociais esta semana. Isso trouxe à tona lembranças de jurados de programas do SBT tão marcantes quanto ele.

Miranda foi figurinha carimbada dos últimos dez anos do canal. Ele participou dos realities “Ídolos”, nas duas primeiras temporadas, “Qual é o Seu Talento?”, “Astros” e “Esse Artista Sou Eu”.

O RD1 preparou uma lista dos jurados inesquecíveis nas muitas atrações da emissora do Homem do Baú.

Confira:

Décio Piccinini participa atualmente do “Fofocalizando” (Imagem: Reprodução / Montagem)

Décio Piccinini

É jornalista e ganhou fama na televisão nos anos 1970, quando foi convidado por Silvio Santos para fazer parte do júri do “Show de Calouros”. Com 72 anos, Décio é apresentador do “Fofocalizando” e jurado do “Troféu Imprensa” e do quadro “Dez ou Mil”, do “Programa do Ratinho”.

Elke Maravilha marcou uma geração (Imagem: Divulgação / Globo)

Elke Maravilha

Manequim, modelo, apresentadora e atriz. Elke foi tudo isso, mas conquistou o carinho do público participando da bancada de jurados do “Show de Calouros”, que fazia parte do “Programa Silvio Santos”. A russa tinha um estilo extravagante e gostava de mandar frases positivas aos telespectadores. A artista faleceu aos 71 anos, no dia 16 de agosto de 2016.

Flor foi resgatada pelo “Programa Silvio Santos” recentemente (Imagem: Divulgação)

Flor

Integrante fixa do quadro “Jogo dos Pontinhos”, exibido no “Programa Silvio Santos”, a apresentadora fez muito sucesso nos anos 1980 no “Show de Calouros”. Sua beleza chamou muito atenção na época.

Sérgio Mallandro foi contratado pela Record Rio recentemente (Imagem: Divulgação / Record)

Sérgio Mallandro

Com seu jeito moleque, arrancou gargalhadas dos telespectadores do “Show de Calouros”, principalmente pelas brincadeiras com o apresentador Silvio Santos. Por conta do sucesso, Mallandro conseguiu ter uma carreira consolidada, tendo oportunidades com programas solos em diversas emissoras.

Sônia Lima protagonizou muitos barracos pelos juris que passou (Imagem: Divulgação)

Sônia Lima

A atriz entrou no júri do “Show de Calouros” após substituir Sérgio Mallandro, que havia se atrasado para participar da atração. A participação agradou muito Silvio Santos e ela se tornou figura fixa do quadro, sendo até apresentadora do espetáculo em 1993.

Cynthia Zamorano, a Cyz, ganhou fama no SBT (Imagem: Divulgação / SBT)

Cynthia Zamorano

Primeira jurada feminina do programa “Ídolos”, Cyz conquistou a simpatia do público por causa da sua sinceridade, mas sem perder a doçura. A produtora e cantora trabalhou no SBT até 2015, passando pelas atrações “Astros”, “Qual é o Seu Talento?” e “Esse Artista Sou Eu”.

Thomas Roth foi figura fácil nos programas do SBT (Imagem: Divulgação / SBT)

Thomas Roth

Parceiro de Miranda nas atrações musicais do SBT, o cantor, compositor, publicitário e produtor musical adotou uma postura mais tranquila ao falar com os participantes, transmitindo informações técnicas de suas apresentações.

Arnaldo Saccomani é o rabugento que todo mundo admira (Imagem: Divulgação / SBT)

Arnaldo Saccomani

Ao lado de sua filha, Thaís Nascimento, ele está entre os 20 maiores arrecadadores de direitos autorais no Brasil. Produtor de artistas consagrados como Tim Maia, Rita Lee, Ronnie Von, Fábio Júnior, Tiririca, entre outros, Arnaldo foi visto como o jurado mais crítico do “Ídolos”. Atualmente, faz parte do júri do quadro “Dez ou Mil”, do “Programa do Ratinho”.

Wagner Montes é contratado da Record Rio (Imagem: Reprodução / Instagram)

Wagner Montes

Marido de Sônia Lima, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro fez muito sucesso como jurado do “Show de Calouros” no SBT. É considerado um dos jurados mais bem-sucedidos da TV brasileira. Atualmente, Wagner é apresentador da Record Rio, onde comanda o “Balanço Geral Manhã”.

Pedro de Lara é um dos ícones dos júris do SBT (Imagem: Reprodução)

Pedro de Lara

Conhecido pelo seu mau humor, o jurado fez muito sucesso na emissora durante os anos 1980, principalmente pela sua “rivalidade” com Sérgio Mallandro, que arrancava risadas do público, mas também pelo seu modo extravagante de se vestir. Pedro morreu aos 82 anos, vítima de câncer de próstata, em 13 de setembro de 2007.

Saiba Mais:

Famosos lamentam a morte do produtor musical Miranda

Morre, aos 56 anos, o produtor musical e jurado Miranda

 

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!