Autor ataca Igreja Universal por prejudicar roteiro de Gênesis

Gênesis
Autor revela os bastidores do trabalho de Gênesis (Imagem: Reprodução / Record)

Emilio Boechat, autor de Gênesis, nova produção bíblica da Record, deu detalhes do clima nada agradável com a Igreja Universal durante o seu trabalho de criação. Chateado com a situação, o escritor pediu na rescisão contratual para que seu nome fosse retirado dos créditos da novela.

“Como sabia que eles iriam mudar muita coisa, até pedi no acordo de rescisão para tirarem meu nome dos créditos, pois já não tinha mais controle, não sabia o que os capítulos iriam virar”, reclamou em entrevista ao F5.

“Mesmo tendo escrito uma parte, não quero ter meu nome atrelado ao rumo que Gênesis vai tomar”, manifestou. Segundo ele, as interferências eram de responsabilidade de Cristiane Cardoso, filha do bispo Edir Macedo, dono da Record, e “provavelmente do próprio Macedo, e de um núcleo ligado à Universal”.

O lado intrometido da família Macedo começou em Os Dez Mandamentos, em 2015, e foi ampliado de lá para cá. “Em Apocalipse [2017], que escrevi com a Vivian de Oliveira, lembro de ela ter ficado bem incomodada com os pedidos recorrentes de alterações”, recordou.

Boechat atestou discussões entre autora e igreja por causa do roteiro. “Ela [Vivian] ainda discutia e colocava seu ponto de vista, mas ela foi afastada. Para um autor com ideias, ficou um ambiente difícil de se trabalhar”, lamentou.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›