Bolsonaro chama Noblat de “bost*” e irmão de Bruno Gagliasso reage

Bolsonaro
Bolsonaro detonou jornalista após polêmica (Imagem: Reprodução / RedeTV!)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) reagiu contra um comentário do jornalista Ricardo Noblat e o chamou de “bost*” em suas redes sociais. Em seguida, Thiago Gagliasso, que é irmão de Bruno Gagliasso, compartilhou a postagem e também detonou o profissional do grupo Globo.

“Se eu respondesse esse bost* à altura seria ataque à imprensa e à democracia”, disparou o chefe do Executivo em resposta a um post de Noblat no Twitter.

A discussão começou por conta de uma postagem de Guga Noblat, filho de Ricardo e jornalista, que criticava as decisões de Bolsonaro durante seu governo. O veterano de O Globo, então, ironizou a fala do filho fazendo menção a possível morte eleitoral de Bolsonaro, já no primeiro turno das eleições de outubro.

Veja Também

O “capitão” não gostou e, além de responder a mensagem, tirou um print do post do jornalista e repetiu o comentário com a imagem, para que ficasse visível aos seus seguidores.

Em seguida, no Instagram, Thiago Gagliasso postou: “Ah, mas falou do presidente da República então está liberado e ‘perdoado’. É esse o pensamento desses esquerdopatas! Nojo dessa gente. Vamos espancar as urnas e ganhar no primeiro TURNO! Por favor. Enterrar de vez esses imundos!”.

Irmão de Bruno Gagliasso ironiza fezes jogadas em apoiadores de Lula

Na última semana, Thiago Gagliasso voltou a ironizar uma situação polêmica que ocorreu com apoiadores do petista. Ele causou com comentário sobre a notícia de que um drone atirou fezes e urina em militantes da esquerda.

“Ta, mas a questão é, jogaram merda no cocô ou cocô nas merdas?”, disparou o ex-ator, aos risos, que ainda pediu para seus seguidores opinarem a respeito das alternativas que expôs em publicação no Instagram.

Nos comentários, os admiradores de Thiago Gagliasso entraram na onda do deboche. “Sorte que evento estava vazio, como sempre né?”, escreveu um. “Tudo junto e misturado”, concordou outro. “As fezes estão bem?”, ironizou um terceiro.

A situação ocorreu momentos antes de evento que uniu os pré-candidatos à presidência da República e ao governo de Minas Gerais, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Alexandre Kalil (PSD). Segundo relatos dos militantes que estavam reunidos no estacionamento do Centro Universitário do Triângulo (Unitri), o drone jogou fezes e urina em cima das pessoas.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email luizfabio@rd1.com.br
Veja mais ›