Bolsonaro provoca a Globo e posta foto assistindo a Copa América no SBT

Bolsonaro
Bolsonaro divulga Seleção Brasileira no SBT para provocar a Globo (Imagem: Reprodução / Globo)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) mostrou o grande evento da sua agenda no último domingo (13): a estreia da Seleção Brasileira na Copa América, com transmissão exclusiva do SBT. Para provocar a Globo, ele surgiu em frente à TV e apontou para o logo do canal paulista.

“Copa América. Bom domingo a todos”, resumiu o Chefe do Executivo, que surgiu com uma camisa do Brusque, de Santa Catarina, com o patrocínio master da Havan, também patrocinadora da competição entre seleções. Na audiência, o canal de Silvio Santos perdeu para o Domingão.

Durante sua live semanal, Jair Bolsonaro provocou a Globo e o narrador Luís Roberto sobre uma transmissão entre Colômbia e Argentina, jogo válido pelas Eliminatórias da Copa, feita pela emissora onde 10 mil pessoas estavam presentes. O jogo foi realizado na Colômbia.

“A TV Globo transmitiu Colômbia e Argentina com 10 mil pessoas presentes. Qual é aquele comentarista que bateu na cara? Luís Roberto? Ora, vocês transmitiram um jogo com 10 mil pessoas, para vocês podem?”, questionou.

Quando a Seleção Brasileira jogou contra o Equador, no dia 4 de junho, Galvão Bueno deixou claro sua posição contrária à volta do torneio em plena pandemia.

Na discussão sobre a realização ou não da Copa América no Brasil, o “capitão” conversou com os seus eleitores na porta do Palácio da Alvorada e cutucou a rival.

“Copa América? Sim [vai ser realizada]. Fui instado no dia de ontem pela CBF. Conversei com todos os ministros interessados. Da minha parte, positivo”, afirmou.

Em seguida, o presidente disse que a única emissora contrária aos jogos é a Globo porque o direito de transmissão pertence ao SBT. Não é verdade. Além do canal líder de audiência, a Band, na TV aberta, e a ESPN Brasil, na TV por assinatura, detonaram a possibilidade do torneio entre seleções ser sediado no país.

“Mas o que está havendo? Da parte da Globo, [o movimento] contrário. Porque os direitos de transmissão são do SBT. Está havendo a [Copa] Sul-Americana. Começa também na sexta-feira as Eliminatórias da Copa do Mundo. Ninguém fala nada. Não tem problema nenhum”, acusou.

“E quando se fala em Copa América, querem questionar que causa aglomeração, que ajuda a espalhar o vírus? É uma pressão dessa imprensa chamada Globo. Nada além disso”, desdenhou.

Confira:

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›