Thiago Gagliasso e Bruno Gagliasso
Bruno Gagliasso atacou e Thiago Gagliasso defendeu Bolsonaro (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Thiago Gagliasso saiu em defesa do governo de Jair Bolsonaro, que tem recebido uma enxurrada de críticas sobre as queimadas na Amazônia. O ator mostrou dados e criticou a postura de quem lacrou na internet usando o problema. Seu irmão, Bruno Gagliasso, foi um dos que criticaram o presidente.

O famoso recomendou que as pessoas falassem sobre o assunto com base nos dados oficiais do desmatamento e das queimadas na região. “A mata segue queimando… Como já vem acontecendo há anos, recordes negativos. Falar sobre a Amazônia ou defender o meio ambiente, não tem absolutamente nada a ver em ser de Esquerda ou de Direita e sim ser sensato e se informar através de dados!”, escreveu.

“Não parece, mas o Planeta é o mesmo para todos, então acho que devemos nos informar o máximo possível antes de nos tornarmos ‘ambientalistas’ do dia para a noite, assim como acontece com ‘juízes da vida alheia, cientistas políticos’, que já cansamos!”, alfinetou Thiago.

Em seguida, saiu em defesa de Bolsonaro e criticou a postura de quem tem colocado a culpa no presidente. “Porque nos outros anos onde tiveram aumentos, recordes negativos, a culpa era do clima e agora a culpa é do atual governo?”, questionou. “O problema existe, e deve ser debatido, devemos cobrar mais, se informar mais, e lacrar menos, afinal estamos na mesma ‘casinha'”, declarou.

Ao contrário do irmão, Bruno Gagliasso foi até sua rede social e alfinetou Bolsonaro, que foi alvo de um intenso panelaço na noite da última sexta-feira (23). O galã da Globo recebeu o apoio dos seguidores, que criticaram a fala do político.

 

Ver essa foto no Instagram

 

A MATA segue queimando… como ja vem acontecendo ha ANOS, recordes negativos. Falar sobre a Amazônia ou defender o meio ambiente, não tem absolutamente nada a ver em ser de Esquerda ou de Direita e sim ser sensato e se informar através de dados ! Ñ parece, mas Planeta é o mesmo para todos, então acho que devemos nos informar o máximo possível, antes de nos tornarmos “ambientalistas” do dia pra noite, assim como acontece com “Juizes da vida alheia, Cientistas Políticos” que ja cansamos !!! Alguns dados (são dados, não são opiniões) opinião vc tem a sua eu tenho a minha. Inpe (instituto nacional de pesquisas espaciais), registrou recorde de mais de 72 mil queimadas esse ano e um aumento de 80% em relação ao ano passado, Amazonia 52% de queimadas no Brasil, mais de 39 mil focos contra 16 mil ano passado. Isso são DADOS não são opiniões ! Basta procurar um pouco, vc vai ver que esse problema vem acontecendo ha ANOS infelizmente e não é nenhuma novidade como parece as vezes… Virar Capitão Planeta no Instagram e apontar o Vilão e lacrar, é mais fácil do que se informar. Mas vamos nos informar… Dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) apontam que a umidade relativa do ar na região está em 34%, mesmo índice registrado durante o auge da seca na Amazônia em 2010, considerada a segunda pior da história. – O normal é a umidade do ar no estado ficar em cerca de 80%. A redução é consequência de um fenômeno climático que deixou a atmosfera seca em várias partes do país. Esta situação deverá continuar até meados de setembro – comenta o meteorologista Francisco de Assis Diniz. Uma pergunta… Porque nos outros anos onde tiveram aumentos, recordes negativos, a culpa era do clima e agora a culpa é do atual governo ? É ÓBVIO, que esse problema não é de hoje, o que não deixa de ser RESPONSABILIDADE de mudar esse CENÁRIO TRISTE pro atual governo, e não a CULPA-LO. O problema existe, e deve ser debatido, devemos cobrar mais, se informar mais, e lacrar menos, afinal estamos na mesma “casinha” 🌎 ! Não entrarei em assuntos conspiratórios sobre ONGS, ou Governo anteriores que jamais se preocuparam enquanto estiveram no poder, mas que agora 🤔…

Uma publicação compartilhada por Thiago Gagliasso Ferreira (@thigagliasso) em

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos