Câmara dos Deputados quer Danilo Gentili fora das redes sociais e reforça pedido ao STF

Danilo Gentili
Danilo Gentili é alvo da Câmara após comentário nas redes sociais (Imagem: Reprodução / SBT)

A Câmara dos Deputados levou uma espécie de reforço ao ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), pedindo a proibição do apresentador Danilo Gentili de usar as redes sociais, por causa da defesa do contratado do SBT para que todo cidadão tenha o direito de ofender políticos.

Em ofício ao Supremo Tribunal Federal, a Câmara afirmou que o novo post feito por Danilo Gentili sobre o assunto “persiste em instigar a população à subversão da ordem política”. A informação é de O Antagonista.

A publicação criticada pelos parlamentares foi a seguinte: “Quando eu for presidente me comprometo a dar uma canetada e criar a imunidade cidadã: todo cidadão terá imunidade para xingar o político que quiser. Se político que é sustentado pelo povo pode ter imunidade parlamentar o cidadão também deve ter imunidade contra eles”.

Ainda sobre a nova postagem, a Casa alegou que o contratado da emissora de Silvio Santos “persiste na conduta delitiva, evidenciada pela incursão na seara criminosa de propor atos de violência e desprezo, causando franca desordem aos caros preceitos democráticos”.

Em fevereiro, a Câmara dos Deputados pediu a prisão do apresentador do The Noite por causa de um tuíte em que comentou sobre socar deputados que apoiavam a PEC da Imunidade. Ele apagou o post, pediu desculpas e a Câmara desistiu da prisão.

Confira:

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›