Carla Vilhena é confundida com deputada bolsonarista e toma atitude

Paulo Carvalho

22/02/2023

Carla Vilhena

Carla Vilhena desabafa após ser confundida com bolsonarista (Imagem: Reprodução / CNN Brasil)

Carla Vilhena cansou de ser confundida nas redes e rasgou o verbo no Twitter nesta terça-feira (21). Em pleno feriado de Carnaval, a ex-âncora do Jornal Nacional contou que passou a ser chamada de Carla Zambelli, a deputada aliada do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Em uma publicação feita nesta manhã, a jornalista reclamou da situação. “Pelo amor de meus filhinhos, parem de me confundir e me marcar em posts para a Zambelli”, desabafou.

Revelação de Carla Vilhena deixa público chocado

Nos comentários da publicação, Vilhena foi acudida pelos fãs. “Gente, que inferno. Você não merece isso!”, defendeu um internauta. “Não aguento mais”, confidenciou a ex-CNN Brasil.

Outro pediu o fim da brincadeira e mandou pensamentos positivos para a apresentadora. Um terceiro foi além e provocou Zambelli, disse que o intelecto de Vilhena é muito maior e que seria como comparar Einstein com um protozoário.

A derrota do ex-presidente Jair Bolsonaro para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas urnas mexeu com os ânimos dos aliados do ex-Chefe do Executivo e provocou uma diminuição na aparição deles nas redes sociais.

Carla Vilhena entrou na Globo em 1997 e saiu 20 anos depois, em 2017. Na emissora, a repórter fez parte das equipe do Fantástico, Jornal Nacional, Jornal Hoje, SP1, Bom Dia São Paulo e Bom Dia Brasil.

Em 2020, Carla aceitou o convite da CNN Brasil e assumiu o Visão CNN. Em 2022, a comunicadora encerrou o acordo com o canal de notícias. Sua última aparição na TV foi no SBT.

Confira:

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo Carvalho
Escrito por

Paulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e é especialista em Audiências da TV e TV aberta. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].