Cenas de beijo fake em Salve-se Quem Puder viram piada na internet; assista!

Salve-se Quem Puder
Salve-se Quem Puder exibe cenas polêmicas de beijo na Globo (Imagem: Reprodução / Globo)

Desde segunda-feira (17), a novela Salve-se Quem Puder voltou a contar com capítulos inéditos, gravados durante a pandemia da Covid-19, e que, por conta disso, contaram com cuidados especiais nas cenas de beijo.

Como forma de manter o distanciamento social, os atores tiveram que beijar uma bolinha de tênis ou sussurrar para uma placa de acrílico para evitar contato com outros colegas, mas o resultado não agradou em nada o público.

Nas redes sociais, imagens das cenas começaram a circular e foram detonadas. “Gente, tem que se proteger em época de pandemia, mas que beijo falso!“, disparou uma pessoa.

Meu Deus, essa novela é muito ruim“, reagiu outra. “Vou estar beijando assim quando acabar a pandemia sem costume nenhum“, brincou mais uma. Outras pessoas ainda compararam aos beijos de Amor Sem Igual.

Segundo eles, a cena gravada nos mesmos moldes pela Record apresentou mais naturalidade. Juliana Paiva, que apareceu no vídeo com Rodrigo Simas, falou sobre o assunto em coletiva:

A gente não podia encostar na placa de acrílico para não embaçar e para não imprimir“.

Isso quando não dava ataque de riso e tinha que gravar de novo“, lembrou Rodrigo Simas. O elenco também estava ansioso para conferir na tela como ficou a maquiagem feita por cada um.

Daniel Ortiz, autor da novela, celebrou o desfecho do folhetim gravado durante a pandemia, em comunicado divulgado pela Globo:

Muitas vezes a comédia não é tão valorizada e a gente viu a importância dela durante a pandemia. Fazer comédia, para mim, é mais difícil do que fazer drama, porque envolve tanta coisa. E fazer tudo isso durante a pandemia foi uma responsabilidade muito grande que todos nós tivemos“.

Vitória Strada, que interpreta uma das protagonistas (Kyra / Cleide), também destacou que o trabalho foi desafiador:

Essa é uma novela de muito contato. Tanto as cenas de ação quanto as de carinho têm muito contato físico. Como fazer isso, passando o dinamismo, a rapidez das cenas, sem a proximidade? Gravamos várias cenas acreditando que estávamos nos encostando de verdade“.

Confira:

Lucas MedeirosLucas Medeiros
Lucas Medeiros é formado em Comunicação Social e escreve sobre o dia a dia da TV.
Veja mais ›