Com Amin Khader, “A Hora do Venenoso” dá liderança à Record no RJ

Record
Amin Khader e Tino Júnior, no quadro “A Hora do Venenoso”, do “Balanço Geral RJ” (Imagem: Reprodução / Facebook)

A Globo ainda não encontrou o antiofídico capaz de neutralizar o veneno dos fofoqueiros da Record. Além das vitórias de Fabíola Reipert, em São Paulo, Amin Khader, âncora do quadro “A Hora do Venenoso”, garantiu a liderança de audiência para o “Balanço Geral RJ”, na última terça-feira (7) – ainda que por apenas um décimo.

No ar das 14h22 às 15h, “A Hora do Venenoso” emplacou 10,6 pontos, com 11 de pico e 23% de participação no número de televisores ligados (share); nesta faixa, a Globo ficou com 10,5. Além de Amin Khader, o quadro contou com Tino Júnior, apresentador do “BG” na Cidade Maravilhosa.

O jornalístico, aliás, assegurou a vice-liderança isolada em seu horário completo – 11h51 às 15h –, com 10 pontos, 13 de pico e 21% de share. No mesmo período, o SBT, em terceiro, registrou 6 de média, com os locais “SBT Rio” e “SBT Esporte Rio”, além do clássico “Chaves”.

Na segunda-feira (6), conforme destacado aqui no RD1, o “Balanço Geral” chegou à liderança também em Belo Horizonte e Goiânia, onde Poliana Rozado e Cristiane Cristal, comandam “A Hora da Venenosa”. O noticiário alcançou o primeiro lugar ainda em Salvador e Vitória, praças que não exibem o quadro de fofocas.

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox