“Conexão Repórter” garante vice em abril no PNT e em SP

Conexão Repórter
Roberto Cabrini à frente do “Conexão Repórter”; jornalístico emplacou vice em SP e no PNT em abril (Imagem: Reprodução / SBT)

O “Conexão Repórter”, jornalístico que Roberto Cabrini conduz às segundas-feiras no SBT, garantiu a vice-liderança de audiência em abril, tanto em São Paulo quanto no Painel Nacional de Televisão (PNT), segundo levantamento obtido com exclusividade pelo RD1. O programa impactou 27 milhões de telespectadores em todo o Brasil ao longo do último mês.

Na Grande São Paulo, praça de maior relevância para o mercado publicitário, o jornalístico emplacou 6,5 pontos – 95% de vantagem sobre a Record, com apenas 3,3 de média. As reportagens especiais de Cabrini venceram a principal concorrente em todos os cinco confrontos de abril.

No PNT, o “Conexão Repórter” registrou 4,9 pontos, assegurando 75% de vantagem sobre a Record, que, no mesmo período e horário, atingiu 2,8 de média. Dentre as matérias especiais de Cabrini exibidas no último mês, destaque para a rotina de ex-presidiários e de mães adolescentes, além dos 25 anos da partida de Ayrton Senna.

O jornalístico estreou em março de 2010, com o regresso de Roberto Cabrini ao SBT – em meio à investida de Silvio Santos para esvaziar a Record, após a transferência de Gugu Liberato para o canal de Edir Macedo. Nestes quase 20 anos de história, o Conexão acumulou prêmios como o Esso Especial de Telejornalismo.

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox