Cristina Mortágua faz acuações graves contra à mãe em desabafo chocante

Cristina Mortágua
Cristina Mortágua faz acuações graves contra à mãe em desabafo chocante (Imagem: Reprodução / Instagram) 

O Dia das Mães de 2021 foi comemorado no dia 9 de maio, com vários famosos homenageando aquelas que lhe deram à luz. Na contramão desse movimento, Cristina Mortágua fez graves acusações à sua genitora, basicamente dizendo que ela teria a vendido para um viciado em drogas.

A ex-participante de A Fazenda tem passado por uma crise financeira, como vem demonstrado em seu novo perfil do Instagram, e acusou a mãe de ter se apossado de seu apartamento e a desabrigado:

Tenho que devolver à minha mãe mesmo que ela tenha dado de boca o apartamento que eu moro. Mas tudo bem, ela plantou e está colhendo uma velhice que tem por direito. Ela abriu mão de relacionar amorosamente com filha e neto para poder ter sua velhice garantida. Independente de eu concordar ou não, ela está colhendo o que plantou com a sua ausência afetiva e eu respeito sua escolha”.

Cristina citou Dona Déa, mãe do falecido Paulo Gustavo, para compará-la com aquela que a gerou, só que fazendo uma alegação grave sobre o passado familiar das duas:

Enquanto uma mãe com M maiúsculo sofre a perda do filho, idolatrado e amado pelo Brasil por seu caráter, sua inteligência em fazer a população mais carente e nós mesmos, rirmos, para relaxar das mazelas da vida… Tem mãe que cafetina filha pra drogado apenas pra poder não ajudar a filha na pandemia. Se vocês tinham dúvida do que é narcisismo. Tá aí a prova viva”.

A ex-modelo citou como percebeu esse contexto que alegou em seu perfil na rede social: “Sem saber que eu estava drogada eu fiquei três dias sem dormir desesperada e uma das coisas que eu mais adoro é dormir. Corri pro meu psiquiatra e narrei os fatos sem omitir nada”.

No fim desse desabafo, Cristina Mortágua afirmou que adquiriu duas lições de vida nessa consulta com o psiquiatra e continuou detonando a mãe, em acusações chocantes:

‘Nunca confie num viciado. É que bom que você passou mal. Pelo menos já sabe que nunca mais poderá se envolver com esse tipo de arma letal’. É uma pena, mães que deveriam proteger os filhos em situações vulneráveis e entregá-los à morte. É como mães que não tem perspectiva de vida, vender os filhos para serem prostitutas ou diretamente para o tráfico de mulheres”.

Confira:

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›