Danilo Gentili surge em pesquisa eleitoral e empata com Luciano Huck

Danilo Gentili
Danilo Gentili é alvo do MBL para virar candidato contra Lula e Bolsonaro (Imagem: Divulgação / SBT)

O interesse do MBL (Movimento Brasil Livre) em ter Danilo Gentili como candidato às eleições presidenciais de 2022 está realmente ficando sério. O Movimento até contratou uma pesquisa para testar o nome do apresentador do The Noite, do SBT.

Segundo informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o humorista apareceu com 4% das intenções de voto, empatado com Luciano Huck, João Doria, Luiz Henrique Mandetta e Ciro Gomes. A pesquisa foi feita pelo IPE (Instituto de Pesquisa & Estratégia).

Coordenador nacional do MBL, Renan Santos garantiu que a ideia de incluir o nome de Danilo Gentili na pesquisa surgiu depois que viralizou nas redes sociais uma campanha para lançar o humorista à sucessão de Jair Bolsonaro (sem partido).

À coluna, Gentili deixou claro que “ganhar a eleição não seria divertido. Mas participar dela, sim”. Caso entre na campanha, ele ainda afirmou que fará “o maior show de comédia política que o país já viu”.

Segundo ele, a ideia é correr o país num ônibus e participar de debates, onde fará “piada sobre os políticos na cara deles”.

No mês passado, o MBL divulgou em seu Twitter uma imagem sugerindo o artista como uma das opções para a eleição presidencial de 2022. Segundo eles, a ideia é ter um nome forte para competir com o presidente Bolsonaro e o ex-presidente Lula (PT).

A publicação do movimento ainda mostra João Amoêdo (Partido Novo), o ex-juiz Sergio Moro, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, ao lado de Danilo Gentili.

“Precisamos de uma alternativa para 2022. Candidatos da terceira via, mexam-se! O povo não pode ficar entre Lula e Bolsonaro”, afirma o texto.

Recentemente, o nome do famoso virou alvo de polêmica após a Câmara dos Deputados apresentar um pedido de prisão contra ele ao STF (Supremo Tribunal Federal). Isso aconteceu porque o humorista declarou, em março, que a população deveria entrar no Congresso e “socar todo deputado”.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›