Datena é condenado a indenizar policial por ofensa na Band

Datena
Datena é condenado a indenizar PM (Imagem: Reprodução/ YouTube)

A Justiça de São Paulo decidiu condenar José Luiz Datena a indenizar por danos morais o policial militar Leonardo Oliveira Neves. A atitude foi tomada após um comentário do apresentador da Band durante uma entrada ao vivo no Brasil Urgente, em agosto do ano passado.

Na ocasião, o programa policial fazia a cobertura de um acidente no centro de São Paulo. O jornalista, então, chamou o policial de desequilibrado e o acusou de agredir um cinegrafista da emissora paulista.

Segundo informações do colunista Rogerio Gentile, do UOL, o policial disse à Justiça que teve de falar energicamente com o profissional do canal que insistia em permanecer na chamada “zona quente”, próximo ao veículo tombado, que corria o risco de explodir.

Datena não gostou da atitude do policial e o repreendeu no ar. Durante a atração, o apresentador disse que ele empurrou o profissional. “Isso para mim é agressão”, declarou o famoso, na ocasião. “Esse cidadão aí empurrou o nosso cinegrafista! Isso aí é uma atitude incompatível com a Polícia Militar”, comentou.

O policial entrou na Justiça e garantiu que não tocou no cinegrafista. Ele, porém, falou que a situação exigia uma resposta enérgica, de acordo com as circunstâncias, a fim de assegurar a segurança física do profissional.

Segundo a defesa dele, as acusações feitas por Datena fizeram com que o policial sofresse uma investigação disciplinar na Polícia Militar. A apuração concluiu que ele não cometeu nenhuma conduta irregular.

“O movimento do braço do policial evidencia que houve um toque entre o policial e o cinegrafista, o que é absolutamente inadequado, tendo em vista que o cinegrafista não representava nenhuma ameaça ao policial ou ao resgate em andamento”, afirmou à Justiça.

Em sua defesa, Datena declarou que o “toque proposital” do policial no operador da câmera foi uma forma de agressão, de intimidação e de cerceamento da sua atividade profissional. A publicação informou ainda que o apresentador disse que sua conduta se pautou pela preocupação com o bem-estar de seu colega de trabalho e que a crítica jamais transbordou para a ofensa pessoal.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›