Datena se revolta com diretora e ameaça deixar programa da Band ao vivo

Datena
Datena se revolta com diretora ao vivo (Imagem: Reprodução / Band)

José Luiz Datena mais uma vez ficou irritado com a sua produção. No Brasil Urgente, da Band, desta quarta-feira (10), o apresentador soltou o verbo contra Débora Raposo, a diretora do jornalístico. Ao vivo, ele reclamou das orientações da profissional pelo ponto eletrônico.

Tudo aconteceu enquanto Datena desabafava contra o prefeito de São Paulo, durante a cobertura da manifestação de funcionários da Educação do estado. No momento, uma grande confusão acontecia na frente da Câmara Municipal.

Datena, então, estava concluindo o seu pensamento sobre a situação, mas se revoltou com um recado que recebeu da diretora.

“Tem que, na realidade, distribuir o que tem para o povo e pelo povo. Não é chegar como fez o Paulo Guedes agora para dar pedalada fiscal e diz que vai ter que furar o teto de gastos, e se não aprova a PEC do calote, que elevou o dólar a R$ 5,50 e dizer que: ‘Olha, se a gente não for caloteiro e deixar de pagar as dívidas do Governo, não vai dar para dar os R$ 400’. Ah é, mané? E os 30 bi que você deixou o Bolsonaro dar para os funcionários do Centrão? Como vocês podem esperar isso daí…”, desabafou o jornalista.

Revoltado por ter sido cortado pela produção, ele reagiu: “Ô Débora, você deixa eu acabar o comentário ou então vem aqui apresentar esse programa aqui. Estou terminando o meu raciocínio e é tudo ligado a isso, entendeu?”.

“Não podem colocar o povo em segundo planos. Não podem deixar o povo em segundo planos. Você recebeu um recado pra me dar pra eu parar de falar? Se recebeu eu vou embora daqui. Por que você falou no meu ouvido aqui? Recebeu algum recado?”, surtou Datena.

Aos gritos, o apresentador da Band pediu para tirar as imagens dele no estúdio e colocar o vídeo de dentro da Câmara de São Paulo. Em seguida, ele pediu para tirar as imagens do local, enquanto o vereador Milton Leite (DEM) discursava.

“Pode tirar o Milton Leite daí, não vou ficar ouvindo. Esse cara é o que aprova tudo [do Prefeito]. Tudo o que o prefeito manda ele aprova. Ele está do lado das empresas de ônibus, do transporte coletivo, e contra o povo sempre“, acrescentou o famoso.

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Demitido da Band?

No fim do mês passado, o jornalista fez um desabafo no programa da emissora paulista e revelou que já chegou a ser demitido pelo canal. Segundo o famoso, o período de desempregado durou muito pouco por causa de Luciano do Valle, que morreu em 2014.

O apresentador revelou que viveu momentos bem delicados na sua vida: “Ia viajar, fazer grandes coberturas, a gente comia um sanduíche e guardava o resto da diária para pagar o cheque especial quando chegasse no Brasil e comprar um carro “novo-velho””.

“Uma vez me ligou um cara que já morreu, deve estar no inferno hoje em dia. No dia 13 de dezembro, o cara me mandou embora aqui da Band. Ele deve estar queimando no inferno”, disparou o jornalista.

Datena não citou nomes, mas disse que, na época, ficou desesperado, já que o Natal se aproximava. “Como que eu ia contar para minha mulher e para os meus três filhos que não a ter Natal? Não ia ter Natal! Eu ganhava o relativo hoje a 6 mil reais, era repórter”, continuou o famoso.

“De repente, me liga uma voz, pensei que era Deus. O Luciano do Vale falando assim pra mim: ‘Ô Datena, o cara te mandou embora porque ele não gosta de você e não gosta de mim. Mas você é narrador esportivo, você aceita fazer reportagem, só para ficar aqui e continuar com salário? Eu falei: ‘Luciano, eu limpo o chão da Band se precisar, mas eu não posso perder emprego no dia 13 de dezembro’”, comentou o titular do Brasil Urgente.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›