ESPN vira a Globo e promete quantia bilionária para transmitir torneios esportivos na TV paga

Paulo Carvalho

Revisado por: Luiz Fábio Almeida

05/01/2024

ESPN

 

ESPN promete valor bilionário para ter campeonatos universitários na programação a partir deste ano (Imagem: Divulgação / ESPN)

A ESPN, tal e qual a Globo em sua busca incessantes pela exclusividade do Campeonato Brasileiro até 2030, está disposta a desembolsar uma quantia bilionária para um contrato de oito anos para a transmissão de jogos das divisões mais altas da National Collegiate Athletic Association dos EUA.

O acordo passa a valer em 1º de setembro. A ESPN terá os direitos de exibição de vários esportes universitários importantes, como futebol, beisebol, basquete, lacrosse, tênis e vôlei, de acordo com as informações da revista Valor Econômico.

ESPN vai desembolsar quase US$ 1 bilhão por torneios

O canal comandado pela Disney tem a garantia de 40 campeonatos da NCAA, inclusive o campeonato feminino March Madness. A parceria não engloba os principais jogos de futebol e basquete.

O contrato vai tirar dos cofres da ESPN cerca de US$ 115 milhões por ano. Em oito anos, mais de US$ 920 milhões serão repassados para a NCAA.

“As redes e plataformas ESPN apresentarão exclusivamente um número recorde de campeonatos, incluindo todas as rodadas de vários eventos importantes que, junto com a NCAA, crescemos ao longo do tempo”, afirma Jimmy Pitaro, presidente do canal.

A emissora de esportes tem a chance de atrair cerca de US$ 22 bilhões em investimentos nos próximos anos. A estimativa vem de encontro com uma análise feita em outubro passado, logo depois do balanço divulgado pela Disney sobre as finanças da rede de TV.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo Carvalho
Escrito por

Paulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e é especialista em Audiências da TV e TV aberta. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].