Ex-BBB Flay se revolta após sofrer assédio de homens na rua

Flay
Flay ficou revoltada ao receber cantada na rua (Imagem: Reprodução / Instagram)

A ex-BBB Flay passou por uma situação nada agradável e dividiu com seus seguidores nas redes sociais. No perfil do Instagram, revoltada, a cantora desabafou após ser assediada na rua ao fazer fotos de saia:

“Eu coloquei uma saia para fazer uma foto e simplesmente não consegui, porque passava um retardado a cada segundo soltando piadinha, tirando onda comigo. Tomem vergonha na cara vocês, que andam constrangendo as mulheres na rua”.

Ela disse que tentou rebater os comentários dos assediadores, mas não adiantou. “Que saco! Já xinguei tanta gente nessa rua, tanto macho lixo, macho escroto. Não dá, simplesmente não dá. Tem que andar de saco na rua, vestindo uma calça, uma blusa, uma touca… O quanto que isso é chato“, desabafou ela, completando:

“Homens, por favor, deixem de ser babacas e de constranger qualquer mulher que não esteja usando moletom e sozinha na rua. Nenhuma mulher gosta disso, nenhuma. Vocês não têm nenhuma intimidade com a gente para passar soltando piadinhas, então passem reto, seus assediadores secos. Respeita”.

Flay, vale lembrar, foi duramente criticada nas redes sociais por sempre surgir fora de casa, gravando conteúdos. Em entrevista à revista Glamour, a cantora soltou o verbo ao falar sobre os comentários negativos que recebe na internet:

“A quarentena é um período difícil e desafiador para todo mundo, principalmente para nós brasileiros. Eu sempre tomei todos os cuidados, sempre incentivei meus fãs a se cuidarem, a ficarem em casa se puderem. Minha carreira é de cantora, não temos shows. Eu nunca tive oportunidade de mudar de vida e hoje, graças a Deus, trabalho com a internet também, preciso criar conteúdo, gravar clipes, preciso sair de casa para sustentar a minha família”.

Ela ainda reforçou que, apesar de não achar o cenário ideal, é como tem conseguido ajudar sua família. “Tenho muito respeito por todos que perderam alguém amado e já existe vacina para esse vírus“, justificou.

Tento não me importar com os comentários que não veem para agregar ou para somar, mas nem sempre é fácil. Cuido muito da minha saúde mental porque os comentários ofensivos podem destruir vidas, é muito sério e muito perigoso“, completou.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›