Ex-BBB Solange denuncia racismo e explica como deu a volta por cima

Solange do BBB 4
Antes e depois de Solange do BBB 4 (Imagens: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Você pode até nem ligar o nome à pessoa, mas Solange marcou seu nome na história do Big Brother Brasil com seu jeito autêntico, irreverente e com seu clássico “Iarnuou”. Mais de 16 anos depois, a ex-frentista fez um balanço geral de sua vida desde que saiu do reality show.

Mesmo que suas lembranças sejam alegres frente à televisão, Sol Vega — seu nome artístico atual — contou, em entrevista à Quem, que passou por muita coisa pesada depois de sua eliminação no BBB 4: “Eu tinha 25 anos e era frentista. Magoava muito! Tiveram muitas coisas que tive que aguentar, sobre meu português, o meu inglês, meu cabelo. Tinha muito preconceito e racismo“.

A repercussão era tão forte que a ex-BBB nem consegue listar tudo: “Foram tantos que não tem como especificar e naquela época parecia ser tão normal que ninguém dava importância se eu falasse sobre. Então, a única coisa que me restava era ser mais forte que tudo aquilo, engolir o choro e seguir em frente“.

Sofrendo com o racismo, Solange citou a vitória de Thelma Assis no BBB 2020 e revelou que torcia para Babu Santana: “Achei muito maravilhoso que Thelminha tenha ganhado, principalmente neste momento tão delicado que estamos vivendo. Foi merecedora e representou muito bem, Estava torcendo pelo Babu, porque já conhecia ele do Nós do Morro, onde estudei três anos“.

Na edição de 2020 do reality da Globo, teve um castigo do monstro inspirado na prova do líder que gerou o sucesso do Iarnuô, sua versão singular da música We Are The World: “Pela Thelminha, fiquei apaixonada por ela quando ela pegou meu mostro e cumpriu sua missão, com tanto carinho e respeito me representando e falando sobre mim“.

Sobre o BBB 4, a paulista mantém contato com poucas pessoas que ficou confinada: “As únicas que eu tenho contato são a Cida, a Juliana e a Antonella. Tem até um grupo de WhatsApp que estou com outros ex-BBBs, mas não tem nenhum da minha época“.

Sol Vega está casada com Tibério Cavagnini há 13 anos, é empresária e atriz e deu às caras série Supermax, em 2016 na Globo. Ainda na entrevista, ela revelou que não “briga” mais com o idioma inglês: “Mudaram muitas coisas desde que participei do BBB. Não tem mais nada igual do que eu era. Estudei, evolui. Aprendi a cantar ‘We Are The World’, em inglês certinho. Fiz vários cursos quando saí do BBB, mas na época estava fazendo muitas coisas ao mesmo tempo e não conseguia me firmar“.

Falando do momento atual de sua vida, Solange revelou que estará no longa-metragem Horas de Fúria, tendo a companhia de Antonella e que tem investido nesse universo virtual: “Agora nessa época tão delicada que estamos vivendo com a quarentena, estou fazendo no meu Instagram”.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por S O L V E G A B I G S T A R (@solvegaoficial) em

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›