Fabio Assunção desabafa após mensagens de haters contra sua saúde

Fábio Assunção
Fabio Assunção reage contra críticos em rede social (Imagem: Reprodução / Instagram)

Fabio Assunção fez um vídeo em tom de desabafo sobre o seu atual momento de transformação espiritual e física e avisou que existem pessoas que torcem pela sua recaída na bebida e aos vícios. Quase 30 kg mais magro e mais saudável, ele mergulhou de vez na malhação.

“[Estou] Convicto que esse é o caminho, eu sei que fazendo isso vou estar me protegendo de quem está pelas esquinas esperando que eu engorde, torcendo para que eu fique inchado, torcendo para que eu volte a beber, a colocar uma bebida alcoólica na minha boca. Coisas que, no meu caso, me destroem”, argumentou.

“Fiz uma mudança na minha vida”, ressaltou o ator, que citou a mudança alimentar e o lado espiritual: “Com alimentos mais saudáveis, que me preenchem, que me deixam mais leve. Isso, claro, transformou a minha mente, deixando-a mais livre e produtiva. Então, veio esse caminho espiritual, porque juntos eles funcionam como uma tríade”.

“Gostaria que todas as pessoas que aplaudiram o meu fracasso, comecem a aplaudir as minhas vitórias, porque me aplaudindo vamos poder crescer juntos”, refletiu. “Faço isso porque mereço a alegria, o bem-estar, a felicidade, a prosperidade e, principalmente, faço isso pela minha família e pelos meus filhos. Para que nunca o sorriso saia do rosto dos meus filhos”, emocionou.

Fabio Assunção falou em “referência positiva” para os herdeiros. “Faço isso também porque não penso a vida individualmente, penso nela coletivamente. Faço isso também por todos vocês”, afirmou.

O global falou sobre religião. “Não sou candomblecista. Sou iniciado no culto tradicional do ifismo. Rezar por mim não tem nenhuma utilidade porque essa busca é minha. Eu estou protegido. Embora eu saiba, repito: que a maldade está esperando eu mudar de ideia”, ponderou. “Mas minha conexão com esse poder maior está feita e é sagrada. Estou gravando esse vídeo com imensa alegria. Alegria de quem é livre. Se libertem da escravidão dos vícios. Nós nascemos para ser livres”, declarou.

“Respeito imensamente as pessoas que degustam bebida alcoólica com alegria e sabedoria. Todos têm a liberdade de dizer ‘não’ porque são livres. E como, tendo a liberdade, você escolhe a escravidão de um vício? Qual é a coerência disso? Nenhuma”, avaliou.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Envio esse momento de conexão com o universo a quem deseja a vida plena, como retribuição e gratidão pelo caminho que me foi apresentado. Que chegue a todos aqueles que estejam procurando por um raio de sol. Muitas vezes somos forçados a olhar para as sombras, mas o foco é o Alto, que nos ilumina e transforma e entra em nossas vidas curando nossas aflições e angústias. Com este vídeo, te saúdo e te sirvo. Receba em paz. (gravado em 31/maio/2020 às 11H). (***** estou tentando ler os comentários. Li muitos mas impossível ler todos. Obrigado a todos e todas pelas mensagens, pelos que compartilharam. Alguns comentários falando sobre candomblé. Não sou Candomblecista. Sou iniciado no culto tradicional do Ifismo / Obátàlá, pelas mãos do meu sacerdote Obaala Oluwo Olori Obátàlá Ifasina Willer de Almeida, da família Adesanya. Com todo respeito, nenhum outro sacerdote que não seja o meu está autorizado a falar em meu nome.)

Uma publicação compartilhada por Fabio Assunção (@fabioassuncaooficial) em

 

Ver essa foto no Instagram

 

Para o desespero de muitos, acordei assim… ??? #quarentena #fiqueemcasa

Uma publicação compartilhada por Fabio Assunção (@fabioassuncaooficial) em

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.