Michel Melamed e Letícia Colin foram votar com livros nas mãos, em protesto contra Jair Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Twitter)

Diversos famosos estão indo votar neste domingo (28), em todo o país. Uma parte da classe artística resolveu fazer um protesto durante a votação levando um livro; o ato, dito como em favor da democracia e dos direitos humanos, é contrário ao candidato Jair Bolsonaro (PSL).

A atriz Letícia Colin, no ar como Rosa em “Segundo Sol”, levou o livro “Insubmissas Lágrimas de Mulheres”, de Conceição Evaristo. O marido, também ator Michel Melamed, optou pela obra “Memóris Póstumas de Brás Cubas’, de Machado de Assis.

Luis Lobianco, que também está na novela, seguiu o exemplo e portou o livro “Devassos no Paraíso”, de João Silverio Trevisando. Da mesma trama, Deborah Secco e o marido Hugo Moura; ela com “A Vida Como Ela É”, de Nelson Rodrigues.

O também ator, Enrique Diaz, levou a obra “Cria da Favela”, da jornalista Renata Souza. O ator Matheus Nachtergaele votou com o livro “Nunca Juntos mas ao Mesmo Tempo”. A obra é do coreógrafo Wagner Schwartz, conhecido pela performance “La BêTE”, em que ele ficava nu, no MAM-SP (Museu da Arte Moderna). Na época, foi censurada após uma criança ser filmada tocando nos pés do artista.

 

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!