Globo corta frase icônica de Nina na 1ª chamada de Avenida Brasil

Avenida Brasil
Débora Falabella como Nina, em cena icônica de Avenida Brasil; Globo corta fala em chamada para o Vale a Pena Ver de Novo (Imagem: Reprodução / Globo)

A Globo divulgou nesta terça-feira (24), durante o intervalo de Por Amor (1997), o anúncio de Avenida Brasil (2012) em Vale a Pena Ver de Novo, a partir do dia 7. A chamada apostou nos elementos que fizeram o sucesso da novela às 21h: o “oi oi oi” do tema de abertura – ‘Vem Dançar com Tudo’, de Robson Moura e Lino Krizz –, a rivalidade de Carminha (Adriana Esteves) e Nina (Débora Falabella) e o congelamento de final do capítulo.

A web, porém, não curtiu o tom “engraçadinho” da campanha, com a narradora Mabel Cezar dando oi “para quem deixou saudade numa das novelas de maior sucesso dos últimos tempos“. “Oi, família do Tufão (Murilo Benício)! Oi, galera do bairro do Divino! Oi, turma do lixão! Oi, oi, oi pra todo mundo!“, diz o texto da peça de divulgação.

Vocês não tem vergonha não? Que história é essa de apresentar um lixo de chamada desses? As chamadas originais de ‘Avenida Brasil’ eram tão icônicas. As chamadas da reprise deveriam ser também“, alertou um usuário do Twitter. “Uma novela maravilhosa dessa com uma chamada meia boca“, definiu outro.

O corte em uma das falas mais icônicas de Nina também incomodou. A Globo reduziu o “me serve, vadia”, que a cozinheira dispara para Carminha, para “me serve“. “Mal passou a chamada e a Globo já cortou o famoso ‘me serve vadia’, nem quero imaginar o que vai acontecer com a novela inteira quando começar“, criticou um internauta.

Clássico da história recente da TV, Avenida Brasil reúne talentos como Cauã Reymond, Marcello Novaes, José de Abreu, Vera Holtz, Eliane Giardini, Marcos Caruso, Alexandre Borges, Camila Morgado, Carolina Ferraz, Débora Bloch, Isis Valverde, Heloísa Perissé, Letícia Isnard e Nathalia Dill, dentre outros. O folhetim de João Emanuel Carneiro contou com direção geral de Amora Mautner e José Luiz Villamarim e artística de Ricardo Waddington.

Cabe lembrar que a trama não foi a primeira opção para substituir Por Amor – segunda maior audiência do Vale a Pena Ver de Novo na década, com 17,4 pontos. A Globo chegou a gravar chamadas de Eta Mundo Bom (2016) com Sergio Guizé, protagonista do enredo de Walcyr Carrasco. A emissora, porém, suspendeu o título em meio à repercussão negativa da reapresentação; ‘Eta’ foi considerada “muito nova” pelos usuários de redes sociais.

Confira:

CONTINUE LENDO →

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com