Klebber Toledo como Bruno, nos bastidores de “Ilha de Ferro” (Imagem: Reprodução / Instagram)

Há uma séria discussão em curso nos bastidores da Globo: novos projetos, como as séries “Assédio” e “Ilha de Ferro”, devem ser disponibilizados apenas no novo serviço de streaming da emissora, ainda sem lançamento previsto, ou podem também pintar na TV aberta?

Segundo informações da jornalista Patrícia Kogut, há uma corrente que defende a exclusividade no OTT. Outro time, contudo, alimenta a tese de que tais conteúdos precisam ser compartilhados na programação linear da emissora.

Atualmente, Globo e GloboPlay “dividem” produções, como “Carcereiros” – disponibilizada na plataforma on-demand antes de chegar à telinha. “Se Eu Fechar os Olhos Agora”, minissérie de Ricardo Linhares com estreia agendada para janeiro na Globo, também deverá pintar primeiro no Play.

Cabe lembrar que “Assédio” é baseada na trajetória do médico Roger Abdelmassih, condenado a mais de 200 anos de prisão por 52 estupros contra pacientes; já “Ilha de Ferro” aborda o cotidiano de trabalhadores de uma plataforma de petróleo.

Saiba Mais:

Jonathan Azevedo é confirmado na segunda temporada de “Ilha de Ferro”

Bruno Cabrerizo é escalado para especial de Natal na Globo

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!