Segunda Chamada
Débora Bloch como Lúcia Helena. em “Segunda Chamada”; Globo agenda estreia de série (Imagem: Maurício Fidalgo / Globo)

A Globo marcou para 8 de outubro a estreia de “Segunda Chamada”, série sobre o ensino para adultos. A produção irá ocupar a primeira linha de shows, na sequência de “A Dona do Pedaço” – faixa por onde passaram as duas primeiras levas de episódios de “Sob Pressão” (2017 / 2018) e a temporada inicial de “Cine Holliúdy” (2019).

Conforme adianta plano comercial obtido por esta coluna do RD1, a obra de 11 episódios ocupará tal horário até 17 de dezembro. No documento, “Segunda Chamada” é definida como “uma série para quebrar paradigmas. Preconceitos. E mostrar o poder de transformação da educação“.

A Educação de Jovens e Adultos, dos 17 aos 70 anos, mobiliza a professora Lúcia Helena (Débora Bloch), retornando à escola estadual Carolina Maria de Jesus após um período de afastamento. Lúcia divide a sala dos professores com Sônia (Hermila Guedes) e Eliete (Thalita Carauta), além do idealista Marco André (Silvio Guindane), que nunca lecionou em colégio público, e do diretor Jaci (Paulo Gorgulho).

Nomes como Carol Duarte (Solange), Felipe Simas (Maicon Douglas), José Dumont (Silvio) e Nanda Costa (Rita) completam o elenco – interpretando os alunos da instituição. Também Arthur Aguiar, Caio Blat e Marcos Winter, em personagens ainda não divulgados. Carla Faour e Julia Spadaccini respondem pelos roteiros; a direção artística cabe a Joana Jabace.

Para convencer os anunciantes a apostarem na série, a Globo enaltece o alcance de audiência da faixa. De 16 de abril, então com “Se Eu Fechar os Olhos Agora”, até 9 de julho, a emissora marcou 18,8 pontos no período, mais do que o dobro da audiência do segundo colocado, o SBT (9). Também exalta o perfil predominantemente masculino do horário: 60% homens x 40% de mulheres; 50% da classe C.

🔔Boletim RD1 | Notícias dos Famosos