Gloria Perez abre o coração e desabafa sobre assassinato de Daniella Perez

Gloria Perez
História do assassinato de Daniella Perez, filha de Gloria Perez, é contada em série (Imagem: Divulgação)

Há 30 anos sem Daniella Perez, sua filha, Gloria Perez afirmou que o intervalo de tempo entre o assassinato da jovem e a atualidade não aliviam a dor da perda.

publicidade

“O tempo não apaga nada. Pelo contrário. À medida que os anos passam, à medida que o mundo se transforma, essa ausência se sublinha cada vez mais”, disse autora, em conversa com a colunista Mônica Bergamo do jornal Folha de São Paulo.

Para quem não sabe, a história, que aconteceu em 28 de dezembro de 1992, é tema da série documental Pacto Brutal, que foi lançada na HBO Max nesta quinta-feira (21).

publicidade

Veja Também

Sobre a produção, Gloria explicou: “Eles [profissionais da equipe] realmente foram muito atenciosos e fizeram uma proposta que foi o que eu sempre quis: contar a verdade, contar o que está nos autos do processo”.

Filha de Gloria Perez morreu aos 22 anos

Daniella, uma atriz com a carreira em ascensão, foi morta com 18 perfurações no corpo, a maioria na região do coração.

Os autores do crime foram Guilherme de Pádua, com quem a jovem formou par romântico em De Corpo e Alma (Globo, 1992), e a esposa dele, Paula Thomaz.

O corpo da artista foi encontrado em um matagal na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

publicidade

Os dois não foram chamados para o documentário. “Para que entrevistar agora? Para dar palco para psicopata? O que eles têm para dizer a mais do que já foi dito?”, disparou Gloria.

“Se eles tivessem alguma coisa a dizer depois do resultado do júri, eles teriam processado o Estado ou pediriam um novo julgamento. Pediram? Claro que não. Saiu barato à beça para eles”, completou.

“Não é justo que ela tenha sido assassinada da maneira brutal que foi e ainda tenha sido descrita através das palavras de um assassino como uma pessoa louca, fora de si“, desabafou a autora.

publicidade

Mesmo depois do ocorrido e da dor imensa, Perez garantiu que nunca pensou em deixar o trabalho.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Eu sobrevivi para fazer justiça para a minha filha. A minha grande força é ela. É o resgate dela. É não deixar que ninguém fizesse mais nada com ela além do que já tinham feito”, declarou.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
publicidade
Da RedaçãoDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.