Justiça toma atitude sobre processo milionário aberto por tio de Wesley Safadão

Wesley Safadão
Wesley Safadão venceu o processo aberto pelo tio (Imagem: Reprodução / Instagram)

Wesley Safadão conseguiu vencer o processo que Emanuel Hélio Eduardo de Oliveira, seu tio, estava movendo contra ele. Pedindo uma indenização de R$ 40 milhões por suposta quebra de contrato, o familiar do cantor não teve a decisão judicial que tanto queria.

Segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, a Justiça de Fortaleza, no Ceará, negou o pedido de Emanuel por falta de provas de que a marca WS, do músico, seria uma continuidade da empresa Garota Safada, antiga banda do forrozeiro.

Dessa forma, Safadão só foi condenado a pagar 10 salários mínimos por “atentatório à dignidade da Justiça”, já que o juiz entendeu que ele não colaborou para que o processo corresse de forma mais rápida.

Para quem não sabe, a ação constava com a alegação de Emanuel, de que, a mãe do forrozeiro, Maria Valmira Silva De Oliveira, conhecida na internet como Dona Bill, descumpriu um acordo que tinha sido feito em 2003.

De acordo com o tio de Wesley, teria sido acordado que os últimos sábados a cada dois meses, ele teria direito aos lucros dos shows da Garota Safada, banda por trás de Wesley. Isso ocorreria pois ele cedeu um ônibus de R$ 22 mil para os músicos do forrozeiro viajarem durante as turnês.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.