Mãe de Yudi abre o coração e fala sobre morte do esposo por coronavírus

Yudi Tamashiro
Tânia Tamashiro, mãe de Yudi Tamashiro, falou sobre a partida do esposo (Imagem: Reprodução / Instagram)

Ainda enfrentando a dor pela morte do pai, Nelson Tamashiro, vítima de coronavírus, Yudi Tamashiro conversou com a mãe, Tânia Tamashiro, no seu podcast no YouTube. O programa, que estreou nesta terça-feira (20), contou com a mãe do apresentador como primeira convidada, e os dois falaram sobre os dias difíceis que enfrentaram na época das internações.

Para quem não sabe, além de Nelson, que foi hospitalizado pelos sintomas da Covid-19, Tânia também precisou ser internada. Yudi e Yumi, sua irmã, também testaram positivo para a doença, mas não precisaram ir para o hospital.

Momentos muito difíceis, né, mãe, mas acredito que tudo isso tem um propósito e é nítido agora”, iniciou o famoso no podcast. “E temos que seguir a vida, não podemos parar”, completou Tania. “É muito difícil. Só a gente que está passando esse momento em casa pra entender realmente. Muitos me veem sorrindo, me veem forte, mas só Deus, a senhora e a Yumi sabem o que passa dentro de mim”, confessou o apresentador.

Ao refletir sobre o “momento certo” da partida do esposo, Tânia contou que se caso ele sobrevivesse, ficaria com sequelas. “Renovação. Tudo que aconteceu foi para um renovo. Vejo dessa forma. Quando seu pai foi internado, fiquei esperando que ele voltasse. Depois fui internada também e, quando voltei, pedi muito pra que ele voltasse. Mas quando recebi a notícia que ele já estava com Deus, consegui entender que é o tal renovo“, disse.

Seu pai já estava sofrendo com algumas dificuldades de saúde, estava em um ano muito complicado dele e o médico avisou que, se ele saísse da Covid, ficaria com muitas sequelas. Isso da gente não aceitar partiu muito de egoísmo nosso. Ou ele ia sofrer ou ia ficar triste. Ele já vivia triste de não conseguir subir uma escada, porque ele era muito ativo”, pontuou a mãe de Yudi.

“Realmente chegou a hora dele, para que ele pudesse descansar e esperar por nós. Achei que foi no momento certo. Ele era muito novo, mas aproveitamos muito. Deito na cama e só lembro de coisas boas. Foram 35 anos de união, mesmo”, completou.

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Carol BittencourtCarol Bittencourt
Caroline Bittencourt é jornalista, pós-graduada em Comunicação e Design Digital. Atua como redatora e produtora de conteúdo para redes sociais. Apaixonada por séries e filmes, adora passar o tempo na Netflix. Está nas redes sociais no @bittencourt.caroline.
Veja mais ›